2019/04/13

Vendas de DVD e Blu-ray caíram para metade em 5 anos


Agora sem a desculpa da pirataria, a MPAA revela os últimos números que demonstram a transformação que tem havido nos hábitos dos consumidores, com a compra de filmes em formato físico a terem caído para metade nos últimos cinco anos.

Sem dúvida que a MPAA muito gostaria de atirar as culpas da redução de vendas de DVDs e Blu-rays para a pirataria, mas a acusação seria complicada de justificar quando os consumidores estão a gastar mais do triplo em conteúdos digitais a nível internacional do que gastavam em 2014.

Está mais que visto que os consumidores se fartaram de comprar e voltarem a comprar as mesmas coisas de cada vez que mudava o suporte físico (VHS, DVD, Blu-ray, Blu-ray 4K) e em vez disso preferem optar por subscrever um serviço de streaming ou pagar pelo acesso a um filme em formato digital quando o querem ver (ou até comprá-lo, se ainda acharem que se justifica).

A MPAA nem sequer se pode queixar que a pirataria está a arruinar o cinema, pois também aí as receitas têm aumentado!



Os estúdios certamente não estarão preocupados, pois para além de manterem as receitas das salas de cinema, certamente preferirão que os consumidores optem por pagar uma "renda" todos os meses num serviço de streaming do que a eventual e ocasional compra de um DVD ou Blu-ray. Mas, por outro lado, este desinteresse nos formatos físicos faz com que seja cada vez menos provável que os futuros formatos 8K (e mais além) venham a ter suportes físicos.

Mesmo tendo eu sido um grande comprador de CDs e DVDs (que ainda hoje tem gavetas e prateleiras repletas deles) posso confirmar que me enquadro perfeitamente nestas estatísticas: em tempos comprava múltiplos DVDs todos os meses, depois chegaram os Blu-ray e comprei apenas uma dezena deles (e contrariado, uma vez que não perdoo o que se passou com a "guerra" Blu-ray vs HD-DVD! :) e, dos Blu-ray 4K, comprei apenas uns poucos com o único intuito de comparar a qualidade deles versus os serviços de streaming. De resto, não me estou a ver a comprar mais um filme em formato físico que seja...

6 comentários:

  1. Posso dizer que no passado mes tive uma pancada e acabei por comprar duas dezenas de DVDs mais pela razão que eram filmes da Disney que estava a ter dificuldade em encontrar em formato digital, e os que havia custavam o dobro do formato físico ficando eu preso a uma loja digital que um dia podia fazer desaparecer o título que comprei. E talvez um dia passe esses DVDs para formato digital e assim dou uso à taxa de cópia privada que já paguei pelos discos do meu NAS

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comprasses os discos do teu NAS em lojas do estrangeiro...

      Eliminar
    2. Yates, não me leves a mal. Digtal versatile disc.

      Eliminar
  2. Eu prefiro ver todos os filmes que quero á borlix!
    Mas cada vez vejo menos porque já nem á borlix prestam!

    ResponderEliminar
  3. A qualidade claramente está a decair, eu sou um daqueles que se fartou de comprar o mesmo filme em formatos diferentes, não compro um filme há mais de 2 anos e para já estou satisfeito com a poupança que consegui optando pelo streaming, é certo que ainda não temos tudo nas plataformas, mas a verdade é que não tenho sentido a necessidade de comprar em formato físico.

    ResponderEliminar
  4. ou seja, cada vez faz mais sentido justificar a taxa de cópia privada... "end sarcasm"

    ResponderEliminar

[pub]