2019/06/24

Cidade norte-americana aceita pagar $600K por ransomware


O ransomware continua a dar bastante lucro, e uma das mais recentes vítimas é uma cidade norte-americana na Florida, que vai pagar 600 mil dólares para tentar reaver os seus dados e retomar o funcionamento normal dos seus sistemas.

Embora tenha tentado recuperar do ataque de ransomware que paralisou os seus sistemas desde 29 de Maio, a cidade de Riviera Beach parece ter considerado - segundo o conselho de consultores de segurança - que será melhor pagar os 600 mil dólares de resgate que os atacantes estão a exigir. Um valor avultado que se soma ao investimento de mais de 940 mil dólares que também irá fazer para substituir computadores e hardware vulnerável que permitiram este ataque.

Oficialmente, as autoridades continuam a desaconselhar o pagamento dos resgates de ransomware (e de qualquer outro tipo), uma vez que consideram que isso apenas irá incentivar o aumento das tentativas de ataque. Mas ao fim de quase um mês sem emails, sistema de pagamentos, sistema de gestão de emergências e outros, ficar a aguardar pela re-implementação de tudo isso poderia ficar ainda mais dispendioso.

No entanto, nem todos cedem aos atacantes. A cidade de Baltimore também foi recentemente alvo de um ataque, mas nesse caso a cidade recusou pagar os 76 mil dólares que eram pedidos, mesmo com essa opção a ter originado prejuízos superiores a 18 milhões de dólares!

... A moral da história é da que os backups (feitos de forma adequada para não serem eles próprios afectados pelo ransomware) são daquelas coisas que devem ser feitas preventivamente. É que depois se de ser alvo de ataque, não adianta imaginar o quanto seria simples - e barato - ter investido nisso "se se soubesse" com antecedência. Já todos sabem que é apenas uma questão de tempo até que se esteja nessa situação, quer seja por ataque de ransomware quer por avarias.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]