2019/08/05

Descoberta a "fragilidade" da Nintendo Switch com docks e carregadores não oficiais


É mais que sabido que a Nintendo Switch é um pouco "esquisita" a nível dos carregadores, havendo inúmeros relatos de consolas avariadas ao usar carregadores e docks não oficiais, e agora sabe-se porquê.

Ter uma ficha USB-C na Nintendo Switch em nada contribuiu para a universalidade esperada da utilização de cabos e carregadores USB-C - algo que de resto também tem afectado muitos outros dispositivos, devido às liberdades ou simples más implementações do standard Power Delivery. Mas no caso da consola da Nintendo, houve quem se dedicasse a investigar a fundo o que se passava.

Depois de muita investigação para perceber porque motivo havia carregadores, cabos (adaptadores) e docks que podiam danificar a Nintendo Switch, chegou-se à conclusão que afinal a "culpa" é de um chip escolhido pela Nintendo para fazer a gestão do Power Delivery, e que suporta uma tensão máxima de 6V.

Mas neste caso a culpa não é da Nintendo, mas sim dos demais acessórios que possam não seguir a norma Power Delivery. No caso de uma dock da Nyko, o Power Delivery é (mal) emulado por um micro-processador em vez de utilizar um chip PD dedicado, e em resultado disso a dock envia 9V para a Nintendo Switch, indo para além daquilo que o seu chip pode suportar. O facto deste contacto crítico estar apenas a 0.5mm de distância do pino de 15V faz também com que qualquer acessório com tolerâncias menos apertadas possa provocar um curto circuito entre os dois contactos, levando a um resultado idêntico.

Resumindo... no caso da Switch é melhor manterem-se pelos acessórios originais.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]