2019/09/19

Burla no MB Way tenta associar cartões a telemóveis alheios


A originalidade dos burlões não tem limites, e tem estado a circular uma táctica para apanhar os mais incautos através do serviço MB Way.

Um dos nossos leitores foi recentemente confrontado com um estranho pedido para uma venda online que estava a fazer, em que o comprador lhe sugeria fazer o pagamento por MBway, para "pagar instantaneamente" e não haver nenhum risco. O indivíduo dizia que o processo era simples e nem obrigava a que tivesse MB Way, e que bastaria seguir uma série de instruções:

  1. Ir a uma caixa Multibanco
  2. Meter o cartão
  3. Ir à adesão MB Way
  4. E meter o número de telemóvel XXXXXX e PIN YYYYY (indicados por ele)
  5. E já esta!

Obviamente, qualquer pessoa mais atenta ou informada saber que, o que isto faria era associar o cartão da "vítima" ao número de telemóvel do burlão, que a partir desse momento poderia fazer pagamentos MB Way que seriam debitados no cartão multibanco da vítima.

Embora não seja um ataque que engane os mais informados, pode ser uma ameaça para quem não perceber muito bem como é que funciona o MB Way mas se sentir tentado a experimentar para "ver como é". Por isso, relembrem os familiares e amigos que considerarem mais vulneráveis, para que não façam qualquer adesão ao MB Way a favor de um número de um qualquer estranho!

7 comentários:

  1. A mesma tática foi usada para tentar enganar o meu pai, precisamente num negócio no OLX, há já uns 3 ou 4 meses.
    Felizmente o meu pai perguntou-me previamente o que era o MBWay e se era assim que funcionava.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O OLX é um dos locais com maior número de vigaristas! O facto de não ter um sistema de avaliações cria oportunidades aos amigos do alheio. Há que ser muito cauteloso.

      Eliminar
    2. Concordo.
      Mas um sistema de avaliação de vendedores só se torna minimamente fiável se existirem forma de comprovar pagamentos após a finalização dos negócios.
      Caso contrário, as avaliações serão totalmente arbitrárias e falsificadas.

      Eliminar
    3. Aí o velhinho Miau.pt era excelente! Vinha a password para casa pelo correio e garantia que aquela pessoa morava ali...

      Eliminar
  2. Só que não.

    Porque a morada do emprego, da tia, dos avós, de uma caixa de correio pertencente a um imóvel desabitado à anos, de um amigo, etc, podia muito bem ser usado também.

    O ideal seria usar algo que pudesse endereaceder ao site das finanças e obter a morada fiscal, esse sim, um dado muito mais fiável.

    Mas a questão das avaliações seria algo também muito útil, sem dúvida.

    ResponderEliminar
  3. MBway esse é o problema dá para fazer burlas não detetadas, e com branqueamento de dinheiro através de um telefone sem nenhum registo junto dos bancos que assim são os principais responssaveis, onde pode movimentar até 99.999€

    ResponderEliminar

  4. O problema principal é que estes servicos devem ou pelo menos deveriam de ser criados de forma simples.

    Por essa razao, o único numero de telefone que deveria de poder ser associado á conta, deveria de ser o número que o cliente disponibilizou quando abriu a conta.
    Ao permitir que sejam utilizados numeros diferentes estao a abrir uma porta muito grande para burlas.
    E branqueamento de capital com a conivência do banco.
    E simples o burlão compra um telefone na feira depois é só enganar ou forçar alguém.
    E está feito 100.000€ ao dispôr.

    ResponderEliminar

[pub]