2019/09/23

Teste de quedas mostra que iPhone 11 Pro e Note 10+ não são para deixar cair


Modelos como o Galaxy Note 10+ da Samsung e o mais recente iPhone 11 Pro da Apple, com a frente e traseira em vidro, são um verdadeiro desastre à espera de acontecer - e um teste de quedas confirma-o.

Ano após ano, os fabricantes asseguram-nos que usam vidros cada vez mais resistentes nos seus smartphones; ano após ano, os utilizadores voltam a confirmar que o vidro parte, e que qualquer queda nestes smartphones se pode tornar numa dispendiosa tragédia.

Contrariando alguns testes que mostraram que o iPhone 11 Pro conseguia resistir a quedas, este teste que põe o iPhone 11 Pro Max lado a lado com o Galaxy Note 10+, demonstra que é bem mais provável que descubram que até estes vidros "resistentes" continuam a partir, do que tenham a sorte de poder ir a correr comprar uma capa de protecção antes que as coisas se compliquem (sem esquecer que, após uma queda que aparentemente não provocou danos visíveis, por vezes podem ficar fragilidades que depois levam ao estalar do vidro, mais tarde, sem motivo aparente).

Infelizmente, por muito bonito que seja andar com smartphones de €1000 na mão sem qualquer protecção, dita a lógica que será indispensável usar uma capa de protecção de qualquer tipo.

2 comentários:

  1. Se nada lhes acontecesse no impacto resultante de uma queda sem protecção, então estariam a desafiar as mais elementares leis da física.

    ResponderEliminar
  2. Comprem um automóvel de 500 mil euros e vão contra um muro de pedra ou betão.
    Será que não fica partido ou muito estragado?...

    ResponderEliminar

[pub]