2019/12/08

Cybertruck da Tesla não cabe na maioria das garagens


O Cybertruck da Tesla pode ser mais aerodinâmico do que se pensa, mas há um aspecto que  se pode revelar numa dor de cabeça permanente: conseguir colocá-lo na garagem.

Limitando a questão aos que acham o Cybertruck suficientemente interessante para poderem considerar a sua aquisição (que de momento pode ser iniciada com um depósito - reembolsável - de apenas 100 euros), há que considerar as questões de ordem prática, que começam desde logo com as suas dimensões.

De largura, o Cybertruck é pouco maior que um Model X, com cerca de 203 cm; mas nas restantes dimensões as diferenças saltam à vista: em altura o Cybertruck mede 190 cm (vs 168 cm do Model X), e em comprimento estamos a falar de de quase 590 cm versus cerca de 500 cm do Model X. Sendo este comprimento o factor fulcral que faz com que o Cybertruck não vá caber na maioria das garagens com dimensões "normais" para um automóvel.

... Um factor a ter em conta para quem estiver a considerar a sua compra, e eventualmente se arriscar a que meter um Cybertruck na garagem de um prédio acabe por bloquear a passagem aos vizinhos (ou nem sequer lá conseguir entrar).

3 comentários:

  1. Este modelo não se pode comparar a um carro normal ou sequer a um model X, imo. O cybertruck é mais semelhante às grandes pickups dos USA, monstros enormes que também não devem caber numa garagem normal. E muito menos em muitas das garagem de um prédio em portugal, que por vezes nem um carro normal (mas um pouco mais comprido ou largo) conseguem acomodar convenientemente. Além disso, até que comece a circular ainda pode sofrer alterações, para acomodar as necessidades de mercados diferentes.

    ResponderEliminar
  2. Quem compra esse tipo de carro tem garagem privada e não tem falta de espaço

    ResponderEliminar
  3. Não é um carro muito caro, pedrw. Estou a ver isso como um potencial problema para muito boa gente.

    ResponderEliminar

[pub]