2019/12/11

Windows 7 volta recomendar actualização para o Windows 10


A Microsoft vai voltar a apresentar janelas a "chatear" os utilizadores para fazerem a actualização do Windows 7 para o Windows 10 a partir de 15 de Janeiro de 2020.

O suporte oficial para o Windows 7 termina no dia 14 de Janeiro de 2020, marcando o fim da era de um dos Windows mais apreciado pelos utilizadores, e que conta já com mais de uma década de existência (foi lançado a 22 de Julho de 2009). Com isso, chega também uma nova ronda de janelas a recomendar aos utilizadores que façam a actualização para o Windows 10.

Esta nova ronda de avisos é cortesia da actualização KB4530734, mas desta vez a MS parece ter aprendido com os erros do passado. Os utilizadores enfrentarão um aviso de ecrã completo, mas desta vez terão a opção para: ver mais informação, voltar a ver o aviso mais tarde, ou desactivar o aviso por completo.

De qualquer forma, deixando de ter suporte oficial, já se sabe que o Windows 7 fica em contagem decrescente para que fique vulnerável a um qualquer novo ataque, pelo que a sua utilização passa a ser fortemente desaconselhada (a MS irá continuar a disponibilizar actualizações, mas apenas para clientes empresariais que subscrevam o Extended Security Updates). Portanto, quem ainda se mantiver no Windows 7, que aproveite este período de Natal para tratar da actualização para o Windows 10 (ou sistemas alternativos), para depois não ter que o fazer "à pressa".

5 comentários:

  1. Qual a melhor maneira de fazer a atualizacao do 7 home edition para o 10, gratuitamente? Ainda se consegue? Há uns tempos tinha lido que não.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A melhor maneira. Parto do princípio que é uma versão genuína (em que pagou à Microsoft, ou que o fabricante pagou à Microsoft para ter uma licença Windows 7 verdadeira), se não for não recomendo actualizar, embora existam relatos que funciona... mas poderá ter problemas.
      - Verifique se o seu computador cumpre os requisitos mínimos para conseguir instalar o Windows 10 ( https://www.microsoft.com/pt-pt/windows/windows-10-specifications ).
      - Verifique se o fabricante suporta o Windows 10 no seu computador (se tem os drivers e todos os outros programas necessários). Se não suportar corre o risco de fazer a actualização e algumas coisas não funcionarem, ou não funcionar de todo.
      - Cópia de segurança de tudo (ficheiros pessoais, favoritos do browser, etc.). Vai mesmo perder tudo, se seguir esta sugestão.
      - Remova todos os programas e tudo o mais que não for absolutamente necessário manter para o sistema operativo funcionar. O objectivo é reduzir os problemas com incompatibilidades. No mínimo remova os sistemas anti-virus/ anti-spyware/ firewall's a menos que sejam as do próprio Windows.
      Lembre-se que alguns programas utilizam licenças especiais que poderão deixar de funcionar e obrigar a comprar de novo se remover o programa ou modificar o sistema operativo utilizado... é um risco que corre e que tem de ponderar se vale a pena eventualmente ter de comprar novamente o programa, etc.
      - Ir a https://www.microsoft.com/pt-pt/software-download/windows10 e descarregar a ferramenta por de baixo onde está escrito: "Quer instalar o Windows 10 no seu PC?".
      - Depois escolha a opção "Upgrade these PC now" (ou o equivalente no idioma do sistema que estiver a utilizar);
      - Se tiver muita sorte o upgrade/ actualização para a versão mais recente irá ser concluído com sucesso.
      - Depois de estar no Windows 10, confirme que o Windows 10 está activado. ISTO É ESSENCIAL, para poder fazer o passo seguinte. O UPGRADE/ ACTUALIZAÇÃO deve converter a chave Windows 7 para Windows 10 da edição Home equivalente, e tal ainda funciona, apesar de rumores em contrário, porque a Microsoft está mesmo desesperada por ter toda a gente no Windows 10.
      - Já com o Windows 10 a funcionar bem, sugiro, que faça algo louco e formate o computador, para o colocar o disco a zero e instalar tudo de raiz. Isto para garantir que o Windows 10 daí em diante irá funcionar o melhor que é possível, sem coisas do passado que poderão provocar problemas de todo o género.
      Vai precisar da chave do Windows 7 (que agora foi convertida para Windows 10) para conseguir activar. Se não tiver nenhum autocolante e não encontrar em lado nenhum então provavelmente a mesma está no hardware do computador.
      - Actualize o sistema operativo para a versão mais recente actualmente vai na versão "Windows 10 Built 1909". Terá de reiniciar várias vezes, e procurar várias vezes até eventualmente não existir mais actualizações para instalar.
      - Depois então comece a instalar todos os programas no Windows 10, e a repor os ficheiros.
      Lembre-se que muitos programas precisam de códigos de activação, licenças, etc. se não as tiver poderá ter de comprar de novo... se o programa sequer existir para o Windows 10! Muitos não trabalham de todo no Windows 10.

      Eliminar
  2. Parar as notificações de uggrade:
    https://support.microsoft.com/pt-pt/help/4524752/windows-7-sp1-support-notification-for-windows-7-professional
    KB4524752

    Registry location: HKEY_LOCAL_MACHINE\Software\Policies\Microsoft\Windows\Gwx
    DWORD name: DisableGwx
    Value data: 1

    Registry location: HKEY_LOCAL_MACHINE\Software\Policies\Microsoft\Windows\WindowsUpdate
    DWORD name: DisableOSUpgrade
    Value data: 1

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vamos ver se não é necessário e se a MS cumpre com o esperado a quem clicar na opção "não voltar a chatear"... :)

      Eliminar
  3. Façam como eu, não fazer actualizações do sistema, tenho o 7 á anos, nunca fiz uma única actualização, e a Microsoft nunca me chateou para instalar o 10. Como gosto do 7 irei continuar com ele por mais tempo.

    ResponderEliminar

[pub]