2020/01/30

Empresas de apostas com acesso indevido a dados de 28 milhões de estudantes menores no Reino Unido


No Reino Unido descobriu-se que empresas de apostas tinham acesso a bases de dados governamentais com informação completa sobre 28 milhões de estudantes menores.

Se é certo que hoje em dia seria praticamente impossível viver sem bases de dados, infelizmente confirma-se que nem sempre o controlo do acesso a essa informação é devidamente controlada. No Reino Unido descobriu-se que empresas de apostas estavam a aceder a uma base de dados governamental com informação sobre estudantes, de escolas públicas e privadas, e que continha não só o seu nome e idade, mas também moradas completas, estabelecimento de ensino que frequentam, etc.

O acesso deveria estar restringido a instituições de ensino e às forças da autoridade, mas aparentemente uma das empresas que tinha acesso a esta base dados terá permitido o acesso a empresas de apostas, que dizem que os dados estavam a ser usados unicamente para efeitos de verificação da idade dos utilizadores. No entanto, nada garante que esses dados não tenham sido utilizados sabe-se lá para que outros fins.

Parece inevitável que, sempre que se acumulem dados, será apenas uma questão de tempo até que os mesmos acabem por ser acedidos indevidamente, ou utilizados de forma abusiva. Talvez comece a estar na altura de se aplicarem as primeiras multas "bilionárias" prometidas pelo RGPD / GDPR, para que finalmente se comece a levar mais a sério a protecção dos dados das pessoas.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]