2020/01/10

MEO lança serviço eSIM


Depois de muita espera, a MEO avança finalmente com o serviço eSIM que dispensa a necessidade de cartão SIM físico, e com um tarifário eSIM M IoT destinado aos smartwatches.

A redução do tamanho dos cartões SIM culminou com a remoção completa de um cartão SIM físico, em vez disso passando a estar integrado directamente nos equipamentos e podendo ser "programado" em função do serviço e tarifário desejado. Mas para isso é necessário que os operadores suportem os dispositivos eSIM, coisa que em Portugal tem demorado a acontecer - impossibilitando a utilização de aparelhos que já só disponibilizem eSIM (como alguns smartwatches), ou reduzindo a sua funcionalidade, no caso de smartphones que usam eSIM para dual SIM.

Depois da NOS ter estreado o uso de eSIM em Portugal em Abril do ano passado, chega finalmente a vez de também a MEO suportar eSIM, embora através de um processo que poderá ser um pouco mais complicado do que seria desejável.

Com isto, lança também um tarifário M IoT que poderá ser utilizado em smartwatches ou outros dispositivos que usem eSIM e precisem de um consumo reduzido de dados e chamadas.


Esta tarifário custa €2.99 por mês, e disponibiliza 50 minutos e 50 SMS para todas as redes nacionais, e 200MB de dados - sendo que me parece que melhor teria sido se o tarifário disponibilizasse algo como 500MB pelo menos, e a partir daí desse dados "ilimitados" mas com limitação drástica da velocidade (recomendação que na verdade se deveria aplicar a todos os tarifários - mas bem sabemos como os operadores preferem cobrar couro e cabelo pelos pacotes de dados adicionais!)

Desta forma, a Vodafone passa a ser a última das grandes operadoras em Portugal a não ter resposta para os clientes que precisam de eSIM, situação que se espera que possa ficar resolvida ao longo deste ano.

1 comentário:

  1. > e a partir daí desse dados "ilimitados" mas com limitação drástica da velocidade (recomendação que na verdade se deveria aplicar a todos os tarifários - mas bem sabemos como os operadores preferem cobrar couro e cabelo pelos pacotes de dados adicionais!)

    Em França já funciona assim para todos, e também existe esse tarifário, de 200Mb/200sms/200chm por 2€ (sendo grátis para clientes de casa).

    ResponderEliminar

[pub]