2020/02/24

Apologista da "Terra Plana" morre em lançamento de foguete


Um destemido apologista da Terra plana teve um final trágico, quando o seu foguete a vapor perdeu o para-quedas que lhe deveria garantir uma aterragem suave, despenhando-se no solo a alta velocidade.

"Mad" Mike Hughes já tinha feito vários lançamentos no seu foguete amador ao longo dos últimos anos, tendo conseguido atingir um altura de cerca de 550 metros, em grande parte devido ao apoio da comunidade dos que acreditam que a Terra é plana - do qual também fazia parte.

Indiferente a todas as evidências e experiências que poderiam comprovar que a Terra é de facto esférica, o seu último lançamento acabou por correr tragicamente mal.



Logo na fase inicial do lançamento pode-se ver que o para-quedas se soltou, tornando o foguete numa armadilha mortal cuja responsabilidade deverá ser partilhada por todos os que continuam a fechar os olhos às mais básicas experiências de observação que comprovam que a Terra não é plana, já feitas há milhares de anos, e que podem ser replicadas em total segurança por qualquer pessoa.

7 comentários:

  1. Na proxima versão tem de colocar um pára-quedas de emergênia...

    ResponderEliminar
  2. Porque não entrar num avião comercial que vai bastante mais alto que os 1500 m daquele foguete.

    ResponderEliminar
  3. Mas o que é que ele queria mesmo provar com estes lançamentos?

    ResponderEliminar
  4. Por alguma razão lhe chamavam Mad!

    ResponderEliminar
  5. Ainda não apareceu a "teoria" que foi tudo para ele não poder contar a "verdade"?

    ResponderEliminar
  6. Vindo desse lado, só se poderia esperar "ciência" da candonga.

    Tristes.

    ResponderEliminar
  7. Quando se esbardalhou no chão, tornou a Terra mais plana.

    ResponderEliminar

[pub]