2020/02/27

Clearview AI teve lista de clientes roubada por hacker


O polémico serviço de reconhecimento facial da Clearview AI que diz ser capaz de identificar qualquer rosto alguma vez colocado na web, foi alvo de acesso ilegal e roubo de dados.

Embora não haja (por agora) a indicação de que os hackers terão conseguido aceder à base de dados com cerca de 3 mil milhões de rostos apanhados da web que serve de base ao seu serviços, conseguiram pelo menos aceder à lista de clientes que recorrem aos serviços da Clearview AI.

O caso vem relembrar os riscos de todo e qualquer sistema que diga ser benéfico para a "segurança", já que mais uma vez se comprova que será apenas uma questão de tempo até que os mesmos possam ser acedidos indevidamente, com consequências potencialmente catastróficas - como será o caso de todos aqueles que são a favor da proibição da encriptação segura end-to-end e exigem a instalação de backdoors para acesso aos dados. Tal como neste caso, será uma questão de tempo até que esses backdoors sejam eles próprios acedidos e abusados por hackers ou entidades indevidas - que agradecerão o facto de lhes terem facilitado a vida a aceder aos dados.

Mais assustador é pensar que isto acontece com empresas que fornecem serviços relacionados com segurança, forças de autoridade e serviços de inteligência. Empresas que deveriam, desde logo, ter uma preocupação "paranóica" com a segurança e o controlo de acesso ao serviço e aos seus dados. Se isto acontece com esta aparente facilidade numa destas empresas... dá que pensar no que ocorrerá com todos os demais serviços "comuns"...

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]