2020/03/28

O assustador poder do acesso à localização dos smartphones


Há muito que se fala do imenso potencial (e preocupações) do acesso aos dados de localização dos smartphones e telemóveis, e o cenário de pandemia do coronavirus vem demonstrar mais uma das suas facetas.

Os dados de localização dos telemóveis / smartphones têm sido utilizados por diversos países, quer para analisar os padrões de contágio, quer para controlo de pessoas confinadas às suas residências. Ainda assim, é difícil ter uma verdadeira noção do poder que o acesso a estes dados permite, e que é rapidamente exemplificado por um exemplo concreto, de como em poucos segundos se pode descobrir os destinos de todos os smartphones que estiveram num festival de praia.



A realidade supera aquilo que se vê nos filmes, permitindo seleccionar a data em questão, desenhar a área de interesse que se quer seguir, e depois ver o percurso que todos os telemóveis / smartphones que tiveram nesse local fizeram. É até possível diferenciar as pessoas usando a velocidade média, para determinar que pessoas terão ido a pé para casa, ou de bicicleta, ou de carro (ou outros meios de transporte, caso tenham ido para estações de comboio, ou aeroportos, etc.)



Estes dados são obtidos directamente junto dos operadores de telecomunicações, e não há nada que qualquer utilizador de um smartphone ou telemóvel possa fazer para o evitar. E embora os operadores tentem sempre desvalorizar estes dados como tendo sido "anonimizados" e desprovidos de informação identificativa do cliente em questão, já está mais que demonstrado que é extremamente fácil fazer a identificação de quem é quem a partir dos locais que visita.

Também importa frisar que este tipo de monitorização é feito desde há muito tempo, e que não se deve apenas ao cenário do coronavirus. E como tal, é também garantido que se irá manter depois do cenário de pandemia ter sido ultrapassado.

1 comentário:

[pub]