2020/06/29

iPhone 12 sem carregador nem earphones incluídos


Segundo as informações de Ming-chi Kuo, o iPhone 12 deste ano não trará um carregador nem earphones incluídos, podendo representar mais de €50 de despesa adicional a quem os quiser comprar.

Desde o iPhone original que o carregador e os earphones são acessórios que vêm incluídos na caixa, mas este ano isso poderá mudar com a chegada dos iPhone 12. Segundo Ming-chi Kuo, a Apple está a considerar não incluir nem os EarPods nem o tradicional carregador de 5W, nem tão pouco o carregador de 18W que foi estreado com os iPhone 11 Pro.

A ausência dos EarPods é vista como uma forma de promover a adopção dos AirPods, e a par da remoção do carregador será também comercializado um novo carregador 20W que também deverá ser utilizado na próxima geração de iPads. Sendo que nesta altura também se aguarda com alguma ansiedade para saber se a Apple sempre irá relançar a desaparecida base de carregamento wireless AirPower, que agora parece estar finalmente pronta para comercialização. E com isto, poderá também oferecer os iPhone 12 num patamar de preço mais reduzido.

Não sei até que ponto é que estes planos da Apple serão exequíveis, pois tenho ideia que - pelo menos na UE - este tipo de produtos (smartphones) tem que ser acompanhado por um carregador, e havendo legislação no sentido para que sejam carregadores universais não proprietários. Mas, descobriremos daqui por mais um par de meses.

8 comentários:

  1. Se isso se refletir no preço final do iPhone (mais baixo, obviamente), acho muito bem! Já toda a gente tem carregadores em casa que podem reutilizar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim... toda a gente tem carregadores da Apple em casa... de 5W... isto em 2020

      Eliminar
    2. Preço mais baixo e Apple não combinam...

      Eliminar
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Eliminar
    4. @Marc Solèr: qualquer carregador que tenhamos em casa carrega um iPhone. Mais rápida ou mais lentamente, mas carrega. Não acredito que em 2020 alguém vai comprar um iPhone sem ter absolutamente nenhum carregador anterior.

      @Tiago: não é tão absurdo assim. iPhone SE 2020, por exemplo. Excelente preço para o que oferece!

      Eliminar
  2. A ideia da União Europeia é precisamente a inversa do que indicas, pretende que no futuro os carregadores sejam compatíveis com todos os dispositivos móveis, para não ter de vir incluído um em cada smartphone.
    Paradoxalmente, o objetivo da Apple será o inverso, não inclui carregador nem phones porque quer cobrar mais umas massas a vender as coisas em separado

    https://ec.europa.eu/growth/sectors/electrical-engineering/red-directive/common-charger_en

    ResponderEliminar
  3. Pois, como já foi falado, é bom os telemóveis não trazerem visto que é só mais lixo vir um carregador igual em cada telemóvel que se compra etc, MAS isso só tem lógica se não o pagares na mesma e se realmente os telemóveis todos usarem um standard (que já começa a ser bastante normal hoje em dia), porque se é para o pagar na mesma então mandem-mo que eu meto ali na gaveta junto com os outros.

    ResponderEliminar
  4. Qualquer dia compra-se a caixa. Se a pessoa quiser o Smartphone, terá de pagar mais caro. =)
    Brincadeira.
    Considero importante se entrarem no standard dos USB-C. Caso contrário acho ridículo. A caixa deve sempre conter o básico para permitir o funcionamento. A meu ver o carregador não é um extra.

    ResponderEliminar

[pub]