2020/07/26

Apps de contacto Covid-19 para Android sofrem com optimização da autonomia


Para além das preocupações referentes à privacidade e funcionalidade duvidosa das apps de contact-tracing do Covid 19, como a StayAway Covid usada em Portugal, surge mais uma noticia que põe em causa a sua eficácia: a optimização de bateria de muitos smartphones Android.

Embora o sistema de contact tracing que tem sido mais adoptado se baseie numa API criada pela Apple e pela própria Google, isso não tem evitado com que o seu funcionamento seja isento de falhas. No caso dos Android a Google, e todos os que criarem apps baseadas na sua API, estão a sentir na pele os efeitos de uma questão que tem sido criticada há muito: o encerramento agressivo de tarefas em background para melhorar a autonomia.

Muitos fabricantes Android, para obterem melhores autonomias, afinam os seus Android para terminarem o processamento de tarefas em background de forma bastante agressiva. Isso é algo que é bom para prolongar a autonomia dos seus smartphones; mas em contrapartida significa que mesmo apps e tarefas que se desejava que funcionassem em background deixarão de funcionar como era suposto - incluindo o sistema de monitorização dos contactos para determinar a proximidade de outros smartphones para efeitos de análise de potencial transmissão do Covid-19, neste caso deixando de apresentar as notificações de alerta que era suposto exibir (em smartphones Samsung e Huawei, mas potencialmente afectando também marcas como a OnePlus e Xiaomi).


Esse é um tema recorrente, e que ainda recentemente foi revisitado com o lançamento de um benchmark Don't Kill My App para avaliar até que ponto o sistema está a matar tarefas em background de forma excessiva. Sendo que a apresentação atrasada de notificações é também um dos sintomas recorrentes nos smartphones de fabricantes que adoptam afinações mais agressivas: muitas vezes até apps de mensagens supostamente "instantâneas" apenas apresentam a notificação das mensagens horas mais tarde, apenas quando o utilizador desbloqueia o smartphone ou o liga a um carregador.

No caso da app de Covid-19 na Alemanha, a solução foi adicionar uma opção adicional para relembrar os utilizadores para a manterem a salvo das optimizações do sistema; sendo que a Huawei também a acrescentou à lista de excepções para se poder manter em background. Mas, de qualquer forma, já seria tempo do Android adoptar um sistema mais uniformizado de gestão de tarefas em background, para que não houvesse tais diferenças entre smartphones de diferentes fabricantes.

Sem comentários:

Publicar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]