2020/08/09

Google Play Music começa a fechar em Setembro


A Google já revelou mais algumas informações relativas ao encerramento do Google Play Music, a partir de final de Setembro, e a sua transição para o YouTube Music.

Para além de ser mais um exemplo onde se torna visível a aparente falta de rumo da Google, o maior impacto que terá nos utilizadores que tiverem confiado na Google para guardar as suas colecções musicais será a impossibilidade de continuarem a ouvi-las a não ser que paguem. O Google Play Music começará a ser encerrado no final de Setembro nalguns países, e encerrado por completo até ao final de 2020.


Os utilizadores do Google Play Music deverão ver uma opção que os convida a transferir as suas músicas desse serviço para o YouTube Music, mas poderão também fazê-lo por sua própria iniciativa em music.youtube.com/transfer.


No entanto, é uma transferência que resultará num pior serviço para os utilizadores que não quiserem pagar pelo YouTube Music. Ao contrário do que era possível no Google Play Music, os utilizadores não poderão fazer o download das playlists para ouvirem nos seus smartphones em modo offline, mesmo que sejam das suas próprias músicas. Portanto, a não ser que estejam interessados em se aventurar em mais uma subscrição combinada do YouTube video + música, se quiserem apenas música mais vale considerarem dar alguns euros ao Spotify, que pelo menos dedica-se inteiramente a essa função e não corre o risco de mudar de ideias a cada par de anos.

3 comentários:

  1. Alem disso não existe um uploader automático como no Google Music. Agora é preciso fazer upload manual de qualquer música que se queira por no YT music

    ResponderEliminar
  2. Essa não sabia Carlos Martins!! Quando comecei a ler pensei que não estava devidamente informado, mas no final percebi que afinal ainda não sabia tudo. Ou seja, uma das coisas que me preocupava era não poder ouvir as próprias musicas que fiz upload, mas em tempos isso ficou esclarecido e dava (respirei de alívio)!! Mas agora esta é nova para mim, pois na verdade também fazia download das playlists para depois ouvir offline no Google Music. Agora foi-se!!! Eu bem dizia que esta mudança não ia dar certo!! Tinham que tirar qualquer coisa, para forçar o pagamento!! Aí está...a Google no seu melhor....ou melhor,....no seu pior!!!

    ResponderEliminar
  3. o pior agora é que vou deixar de conseguir ouvir musica pelo google home mini, o icone do YouTube music nao me aparece lá, só no estrangeiro pelo que li

    ResponderEliminar

[pub]