2020/12/27

Fabricantes deviam dar opções para limitar carga máxima da bateria

A autonomia dos smartphones é algo que quase todos gostariam que fosse maior, mas há também quem ache que está na altura dos fabricantes darem uma opção para limitar o nível de carga máxima para prolongar o seu tempo de vida.

Esteja-se ou não satisfeito com a autonomia dos smartphones, a grande maioria dos utilizadores concordará em que se deva fazer o máximo para prolongar o seu tempo de vida, sabendo-se que hoje em dia a troca de baterias é quase sempre uma operação dispendiosa e complicada - especialmente nos smartphones selados e com protecção à prova de água. A questão é que, manter uma bateria carregada a 100% com ela ligada a um carregador é uma das formas que mais contribuiu para o seu envelhecimento prematuro, e que já faz com que vários fabricantes implementem sistemas de previsão de utilização, em que mantêm a bateria carregada até 80% durante a noite toda, e só recarregam os 20% finais de forma a coincidir com o momento previsto em que o utilizador irá retirar o smartphone do carregador.

Mas se assim é, porque não dar o passo seguinte, e dar aos utilizadores a opção para limitar o nível de carga máxima da bateria?

Quem tem um Tesla estará familiarizado com a opção de limite de carga máxima, que se recomenda que seja colocada entre os 70% e 80% para uso normal no dia a dia, e só fazendo o recarregamento a 100% quando efectivamente se necessitar de fazer uma viagem com carga completa. Daí que fazer o mesmo com um smartphone não seria descabido, e para todos aqueles que usam smartphones cuja autonomia já lhes chega e sobra para um dia de uso, seria algo sem impacto significativo no tipo de uso que fazem. Isto é, o impacto seria adiarem a chatice de terem que lidar com a questão da substituição da bateria.

... E até poderia ter evitado por completo a necessidade de abrandarem secretamente o funcionamento dos iPhones, no caso da Apple.

6 comentários:

  1. O link no 3º parágrafo não funciona...

    ResponderEliminar
  2. Eu tenho o carregador ligado a uma tomada inteligente e programei um shortcuts em que, quando o nível de bateria chega a 90% a tomada inteligente desliga-se.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa, que App usaste para detectar a carga e actuar sobre a tomada?

      Eliminar
    2. Programei um atalho na app Shortcuts do iPhone. Tem lá a função de detectar a percentagem de bateria nas automatizações e agir em função disso.

      Eliminar
  3. Qual a base científica para os 80% e porquê 80 e não 85 ou 60?
    Uso o AccuBaterry que levanta a mesma teoria.
    Troquei recentemente de telemóvel e antes tive um OnePlus 5 que durou mais de 3 anos e quando o larguei estava a aproximadamente 75% de desgaste, sem alguma vez ter ligado à conversa dos 80% e usando o fastcharge de 25W. Tendo em conta que alguns tlm vêm de fábrica com baterias a 90% da capacidade máxima teórica, duvido seriamente que carregar até aos 80% trouxesse alguma diferença, é sequer que compensasse o transtorno de ter menos 20% de energia disponível.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pesquisa por "80% maximum charge battery". Diz quem sabe para prolongar a duração da bateria de iões de lítio: mantê-la com a carga entre 30% e 80%, se possível
      https://www.androidauthority.com/maximize-battery-life-882395/

      Eliminar

[pub]