2021/06/09

Google complica Play Store

A Google está mesmo a avançar com a remodelação da app Play Store, apesar de todas as críticas que surgiram na fase beta de testes.

A app Play Store serve de porta de entrada a todo o mundo de apps nos Android (para quem não utilizar lojas alternativas ou APKs instalados directamente) e, como tal, deveria ter direito a tratamento preferencial por parte da Google. Só que a remodelação que está a ser feita está longe de ser consensual, e a maioria dos utilizadores não irá apreciar a forma como as coisas foram feitas.
Em vez das secções anteriores secções Updates, Installed, Library, Share, e Beta que permitiam manter as coisas bem organizadas e segmentadas, a nova Play Store reduz as secções apenas a duas: Overview e Manage. A primeira limita-se a mostrar uma visão global com algumas informações, na maioria inúteis (com excepção do espaço ocupado); e na segunda ficamos com tudo misturado, obrigando a recorrer a novos filtros no topo dessa secção para nos limitarmos ao que pretendemos, como apps que tenham actualizações disponíveis.

Ou seja, algo que anteriormente estava um toque de distância, mostrando imediatamente as actualizações e permitindo fazê-las todas de uma vez, passa a obrigar três ou mais toques, e através de um interface bastante mais confuso visualmente.
Mas, considerando que nos vem da equipa que há anos apresenta aos utilizadores a espectacularmente útil secção de informações que nada informa - com o famoso: "tamanho varia com o dispositivo" no tamanho da app; "versão varia com o dispositivo" na versão, e onde até a versão mínima exigida do Android "varia com o dispositivo", podemos esperar tudo.

3 comentários:

  1. Um layout muito próximo do que se pode encontrar no iOS.

    ResponderEliminar
  2. Já no YouTube estão a fazer algo do género, tirar filtros para que o utilizador não possa escolher o que ver, tarefa a ficar a cargo da Google.
    Eu já estou em processo de deixar de utilizar a Google o quanto possível.

    ResponderEliminar

[pub]