2021/07/20

Jeff Bezos estreia viagens tripuladas da Blue Origin

Depois da troca de galhardetes com Richard Branson por este se ter antecipado na ida ao espaço, foi a vez de Jeff Bezos estrear a sua cápsula com janelas gigantes.

Jeff Bezos entrou na cápsula RSS First Step a bordo do foguete New Shepard, e foi projectado para o espaço numa curta viagem multi-milionária de 10 minutos que, apesar de todos os avanços e inovações feitos pela Blue Origin, não deixou de parecer um anticlímax. Isto porque, depois de tanta acusação a dizer que a Virgin não tinha chegado ao espaço, a viagem de Bezos mais se assemelha a uma daquelas atracções das feiras, em que alguém é projectado no ar para cair logo de seguida.


Pelo menos tem a vantagem da componente educativa, de demonstrar a relativa facilidade de atingir o espaço voando 100 km para cima. O grande problema, é ficar por lá!

A imensa dificuldade de colocar objectivos em órbita não é superar os 100 km de altitude, como aqui ficou demonstrado, mas sim atingir a chamada velocidade orbital, a velocidade percorrida horizontalmente e que faz com que um objecto fique numa trajectória de "queda permanente", resistindo à força da gravidade que neste viagem de Jeff Bezos, o puxou imediatamente para o solo. Para isso seria preciso que a cápsula atingisse uma velocidade na ordem dos 27 a 28 mil quilómetros por hora - e, para comparação, nesta viagem a velocidade máxima atingida foi de apenas 3590 km/h.

Parece que Elon Musk ainda não tem que se preocupar com concorrência para as verdadeiras viagens ao espaço, enquanto Richard Branson e Jeff Bezos brincam aos parques de diversões para multimilionários.

4 comentários:

  1. Não existem imagens capturadas pela cápsula?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. eles estão com medo de mostrar a grande barreira de gelo da terra plana xD

      Eliminar
    2. A lua e o sol também são planos?

      Eliminar
  2. "Parece que Elon Musk ainda não tem que se preocupar com concorrência para as verdadeiras viagens ao espaço, enquanto Richard Branson e Jeff Bezos brincam aos parques de diversões para multimilionários."

    Penso que seja esta a opinião da maior parte das pessoas :) Estas 2 aventuras recentes mais se aproxima de pagar um bilhete (bem caro) para dar uma volta na montanha russa. É uma experiência única, tal como é a experiência já existente há muito de fazer parábolas num airbus. Esses voos dão 20 segundos seguidos de 0G durante umas 15 vezes. Se calhar até se aproveita mais do que estas duas novas formas.

    ResponderEliminar

[pub]