2021/10/03

Tesla bate recorde trimestral com 241 mil automóveis vendidos

A Tesla conseguiu o seu objectivo, batendo o recorde de vendas trimestral com 241 mil automóveis vendidos, mais 102 mil automóveis que no mesmo trimestre do ano passado.

Numa altura em que a indústria automóvel tem sofrido imenso com a escassez de chips que vai afectando a produção (para referência, a GM anunciou uma quebra de 33% nas vendas deste trimestre, caindo para 447 mil veículos), a Tesla consegue escapar a essa tendência e obter o melhor resultado de sempre com 241.300 automóveis vendidos. Um número que ganha maior expressão quando recordamos que em todo o ano de 2019 tinha vendido apenas 367 mil veículos.

Também será preciso referir que estes números ainda não incluem as vendas do Model Y na Europa, que só agora começa a chegar em volume, nem tão pouco o início da produção da Gigafactory Berlim, cuja abertura oficial acontece na próxima semana, e que deverá contribuir para um aumento das vendas do Model Y neste lado do Atlântico.

Dos 241 mil automóveis vendidos, mais de 232 mil foram Model 3/Y e menos de 10 mil foram os mais dispendiosos Model S/X - sendo que os novos Model S ainda estão a ser entregues a "conta gotas", e os Model X renovados só deverão começar a ser entregues aos clientes nas próximas semanas.

3 comentários:

  1. Estou curioso para ver o impacto de quase todas as marcas começarem a apresentar alternativas validas Tesla.
    Penso que só agora é que se pode considerar que a tesla ja tem concorrência.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Tesla está vários anos à frente da concorrência. Nos veículos elétricos tens a Tesla e todos os outros. Embora existam carros com interiores mais luxuosos, e onde exista um melhor controlo de qualidade, depois no software, na qualidade e controlo das baterias, ficam muito atrás.

      Eliminar
    2. Uma coisa são carros vendidos outra coisa são carros entregues!
      Na Europa o ID3 está a vender mais que a model 3, juntas o ID4, e-tron e etc, só aí a VW já vende mais.
      A Tesla não está anos a frente da concorrência, quem está a frente é a Rimac.

      Eliminar

[pub]