2021/11/05

McAfee apresenta novidades para 2022


A McAfee é uma das marcas de referência a nível dos produtos de segurança, e apresentou a sua nova gama para 2022.

No seguimento da reestruturação que está a ter lugar na empresa, estivemos à conversa com Marc Vos, Sr. Manager Consumer Product Reviews, para ficar a conhecer a novidades que a McAfee preparou para 2021-22. A transformação é a palavra de ordem. A separação dos produtos empresariais do mercado de consumo, permite à marca focar os seus objectivos de forma mais direccionada no consumidor, dando continuidade a evolução que já vinha a ser levado a cabo, alinhando-se com as necessidades e preferências dos clientes.

A pandemia levou à alteração dos hábitos dos utilizadores, sendo que muitos mantêm os novos padrões de utilização, com o malware a passar para segundo plano, dando lugar à privacidade. A solução apresentada agora pela McAfee procura centralizar serviços numa única App, com os utilizadores a não terem de se preocupar com a instalação de diferentes soluções, para responder às suas necessidades. O consumidor fica com apenas um fornecedor de serviço, contendo várias opções, que passam a estar disponíveis de forma automática, procurando facilitar a vida aos utilizadores menos experientes. Já os mais experimentados, terão a opção de configurar manualmente cada uma das funcionalidades, desactivando as que não tiver interesse em utilizar.

Segurança, privacidade e protecção da identidade são geridas na aplicação, que surge mais leve, fruto da remoção de funcionalidades que os utilizadores acabavam por não usar. Uma nova linguagem visual, com informação sobre cada funcionalidade, procura disponibilizar uma experiência unificada, desde App para Windows (imagem em cima) até aos smartphones, passando pelo browser e a nova App na nuvem. Um código QR vem facilitar a instalação da aplicação em outros equipamentos, não havendo a necessidade de estar a introduzir chaves do produto.

O centro de protecção da McAfee faz a monitorização dos dados pessoais, por forma a garantir um alerta mais célere, sugerindo acções para conter as fugas de informação. Este serviço analisa em permanência os dados partilhados na Dark Web, para tomar conhecimento das fugas de informação antecipadamente, conseguindo monitorizar até 59 elementos de informação pessoal. Esta funcionalidade já está disponível em 32 países (Portugal incluído), prevendo-se um alargamento a outros países de forma faseada.

O serviço de VPN, que já vinha a ser disponibilizado de forma opcional, é mais uma das funcionalidades que passa a estar integrada na aplicação, permitindo uma ligação a 50 países e, segundo a McAfee, permite velocidades mais elevadas. A VPN conta com um plafond grátis de 500MB e será ligada de forma automática, sempre que o utilizador se ligue a uma rede não segura. Caso chegue ao limite deste plafond, o utilizador será notificado, passando a navegar sem a VPN activa. Como alternativa, ao serviço pago de VPN, poderão optar pela renovação automática do serviço McAfee, passando a contar com VPN ilimitada.


A linguagem mais técnica deu lugar a um discurso mais simples, que pretende motivar o utilizador a melhorar a sua segurança. Uma pontuação para o nível de protecção, procura motivar os utilizadores a tomarem medidas no sentido de melhorarem os seus comportamentos, com a App a apresentar recomendações nesse sentido


Com um preço recomendado a começar nos 70€ para a subscrição anual para um equipamento, a solução McAfee Total Protection pode ser instalada em mais de 10 equipamentos (VPN limitada a 5) com um PVPR de 100€.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]