2022/04/16

Tesla deixa de vender carros após leasing

Depois da restrição aplicada aos Model 3, a Tesla expande a suspensão da opção de compra a todos os modelos em leasing.

Com a cadeia de eventos que tem causado grandes transtornos na produção automóvel a nível mundial, e feito disparar o preço dos carros usados, a Tesla ajusta a sua política quanto à venda dos veículos após os leasing.

Em 2019 a Tesla anunciou que deixaria de permitir a compra dos Model 3 após o período de leasing - uma opção habitual no leasing - com a justificação de que iria utilizar esses carros para criar uma rede de táxis autónomos. Avance-se três anos a e prometida rede de transporte autónoma ainda não existe (nem tem qualquer data realista para existir), mas a preferência para ficar com os carros continua.

Além dos Model 3, a Tesla deixa de dar opção de compra a todos os modelos de leasing ou ALD feitos directamente através da empresa. Desta vez o intuito não é a rede autónoma, mas sim o facto de ser mais lucrativo para a Tesla vender esses carros como usados a novos clientes, do que cedê-los a "preço reduzido" aos clientes de leasing.

Para muitos clientes de leasing, o intuito já seria trocar de carro no final do contrato e, como tal, não lhes fará diferença. Mas, para aqueles que estavam a contar com a opção de poderem ficar com o carro, terão que rever a forma de aquisição.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]