2022/08/26

Cabo O.MG é um discreto cabo USB que pode roubar informações

Depois da assustadora pen USB Rubber Ducky temos o cabo O.MG com características idênticas.

Há muito, muito tempo, que se sabe que não se deve ligar qualquer dispositivo USB que se encontre "por acaso". Uma aparente inocente pen USB pode esconder um sistema de hacking do computador, ou até fritar a porta USB ou a própria motherboard. Mas, se acham que os cabos USB deviam escapar a essas regras, fiquem a conhecer este pequeno brinquedo.

O cabo O.MG parece um cabo USB perfeitamente banal, mas no seu interior esconde um diminuto microcontrolador que pode espiar a informação transferida através do cabo, injectar comandos no computador da vítima fazendo-se passar por um teclado, e até criar uma rede WiFi que permite comunicar com o atacante para transmitir os dados roubados. Na sua versão mais recente até permite comunicação bidireccional via internet, para possibilitar ataques remotos com mais facilidade.
É certo que tudo isto implica que o atacante tenha acesso físico às máquinas de interesse, mas facilmente se pode imaginar o potencial de deixar umas dezenas de cabos "perdidos" em locais estratégicos, ou de os colocar em sítios como postos de carregamento públicos (como os que existem nos centros comerciais), ou até de substituir um cabo normal por um destes cabos armadilhados durante uma estadia num hotel ou numa inspecção numa fronteira.

Habitualmente, chegar ao ponto de suspeitar de um cabo seria algo que se poderia enquadrar no campo das teorias da conspiração, mas que como este cabo O.MG demonstra, é perfeitamente possível que as suspeitas possam ser reais.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]