2015/10/15

USB Killer 2.0 descarrega 220V na porta USB para "fritar" computadores


Em Março ficamos a conhecer uma perigosa pen USB, que tinha a capacidade de "fritar computadores". Para garantir a sua eficácia, a USB Killer foi revista e melhorada, sendo agora mais destruidora que nunca.

A USB Killer é uma pen USB que tem como missão destruir fisicamente qualquer computador em que seja inserida, acumulando electricidade de modo a dar uma potente descarga eléctrica. A primeira versão conseguia fazer uma descarga de 110V negativos  um computador, mas agora a sua capacidade foi aumentada, conseguindo acumular até 220V negativos que, como se poderá imaginar, serão bastante mais prejudiciais para qualquer computador com azar suficiente para ter que enfrentar esta mortífera pen USB.

Tudo o que a vítima tem que fazer é ligar esta pen numa porta USB do seu computador, e em poucos segundos o mesmo passará a ser um autêntico "pisa-papeis". As portas USB têm protecções contra sobrecargas, mas não estão preparadas para lidar com este tipo de ataques, sendo depois uma questão de sorte/azar saber até onde é que os danos se prolongarão, e se chegarão a danificar componentes como o disco rígido ou SSD (que serão o mais crítico, para quem quiser manter os seus dados.)

Mais uma vez se recomenda muita cautela quanto à tentação de quererem espreitar o que poderá estar numa pen USB que tenham encontrado em qualquer lado. É que se se tratar de uma pen destas... a curiosidade vai sair bastante cara. (E porque nunca é demais relembrá-lo: não esqueçam de ter backups actualizados!)


2 comentários:

[pub]