2022/09/09

Autopilot da Tesla pode perder funcionalidades na Europa

Enquanto a Tesla promete melhorias, o seu modo Autopilot arrisca-se a ficar cada vez pior para os clientes europeus.

Quem compra um Tesla na Europa e opta por pagar os 7500 euros pelo modo de "condução autónoma" que vai sendo prometido há anos, saberá que as funcionalidades a que terá acesso no Autopilot são muito menos do que aquelas que a Tesla oferece nos EUA. E agora poderão estar prestes a perder ainda mais algumas.

A entidade reguladora alemã está a analisar o funcionamento do Autopilot e diz ter encontrado alguns pontos problemáticos, apesar da Tesla já ter feito algumas actualizações ao Autopilot relativamente a algumas das questões que tinha detectado. Entre elas estão algumas funcionalidades que ficam dependentes da classificação dada pela Tesla aos condutores, com a entidade a dizer que todos os condutores têm que ser tratados da mesma forma, e não pode haver uns que têm acesso a umas funcionalidades e outros não; e outra, potencialmente mais problemática, é que a funcionalidade de mudança de via automática pode ser ilegal segundo a actual legislação europeia.
Não é detalhado se a funcionalidade se refere à mudança de faixa de forma completamente automática, ou se também às que têm que ser iniciadas / confirmadas pelo condutor através dos "piscas", mas em qualquer dos casos, será mais um factor a penalizar os condutores europeus face aos norte-americanos.

Se, nos EUA, Elon Musk continua a prometer que o modo autónomo está cada vez mais próximo, na Europa parece que estamos cada vez mais distantes disso.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]