2019/02/04

MB Way aumenta para €1.20 no BPI em Maio


Os clientes BPI já estarão habituados à cobrança de comissões por tudo e por nada, e a partir de 1 de Maio de 2019 poderão despedir-se da conveniência da utilização do MB Way, já que o valor da comissão irá aumentar para €1.20 por cada transferência.

O nosso principal "problema" com o serviço MB Way era que, desde o seu início, pairava no ar a ameaça de que as transferências gratuitas passariam a ter comissões de pagamento, com o serviço a dizer que ficaria ao critério de cada banco definir o valor a pagar. Desde então têm sido vários a aplicar o pagamento de comissões... e alguns deles parecem estar interessados em usar o MB Way como forma de pressionar os clientes a aderirem a certos planos - ou interessados em "assassinar" por completo o serviço MB Way completamente.

Será precisamente isso que acontece com o BPI, que actualizou o seu preçário para 2019 e onde indica que, a partir de 1 de Maio de 2019, será cobrada uma comissão de €1.20 por cada transferência MB Way - mesmo nos casos em que se trate de uma transferência para outra conta do BPI.


Infelizmente, o caso do BPI não é um caso isolado, havendo cada vez mais bancos que estão a começar a cobrar pelas transferências MB Way, removendo (quase) por completo o interesse no serviço, especialmente para os casos em que se faziam transferências de baixo valor entre amigos.

Como sempre, embora possa parecer "drástico", a única opção de mostrar o desagrado com as políticas de comissões de um banco passa por mudar para outro que ofereça melhores condições (leia-se: não cobre comissões). E com isto, uma vez mais, se comprova que as nossas instituições bancárias não dão qualquer valor à questão da fidelização dos clientes, pouco se importando que clientes que mantinham há décadas fiquem indignados com as cobranças constantes e se mudem para outro lado.


P.S. E nem tentem ir com uma criança depositar as moedas que acumulou no mealheiro ao longo dos anos, num balcão BPI. É que para depositarem mais de 100 moedas terão que pagar 5 euros pelo serviço! (O que se revela um caso particularmente curioso para todos os que estiverem a acumular moedas de 1 cêntimo...)


Actualização: parece que os bancos estão a mostrar preços... mas depois não os praticam, dizendo que as transferências via MB Way continuarão isentas de comissão. Talvez seja altura do Banco de Portugal pedir explicações quanto ao motivo pelo qual isso não está expresso no preçário? Ou é para nos habituarem a não confiar nos mesmos (ou para eventualmente poderem cobrar a comissão retroactivamente, por estar indicada no preçário)?

Actualização 2: O BPI também diz que não se pagará MB Way se o utilizarmos através da sua própria app BPI.

22 comentários:

  1. É começar a ter o dinheiro "debaixo do colchão" para estes chulos deixarem de cobrar comissões por tudo e por nada.

    ResponderEliminar
  2. Estes estafermos gananciosos. Só não fazem o mesmo nas caixas multibanco porque as pessoas não deixam!
    Raio de hostilidade para com as novas tecnologias.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Têm tentado (e seguramente irão voltar a fazê-lo). Depois que não se queixem que o pessoal foge para outros serviços "lá de fora"...

      Se bem que, por outro lado até poderia ser bom... fomentava o uso das criptomoedas descentralizadas. ;)

      Eliminar
    2. Não creio que tenha a ver com hostilidade a novas tecnologias é mais uma tentativa de sacar dinheiro ao cliente de todas as formas possíveis. O multibanco só é de graça por causa da legislação porque por vontade dos bancos há muito que tinha deixado de ser. (Afinal os nossos políticos até fazem leis de jeito de vez em quando)

      Eliminar
    3. Mas no processo lá acabaram com os cartões *MB* e passaram para os Visa Electron com anuidades...

      Eliminar
    4. "O multibanco só é de graça "
      AHAHAHA
      Nada neste mundo é de graça... podemos nao pagar à cabeça, mas todas as taxas e taxinhas dos bancos cobram aos clientes, servem pra pagar depois à SIBS... ou pensam q ha almoços gratis!??

      Eliminar
  3. O ActivoBank tem há muito uma taxa pelas transferências MB Way no precário mas não cobra nada. Inicialmente até evitava usar por causa disso mas alguém me disse que apesar do precário eles não cobravam e realmente quando se faz a transferência a app diz que é sem custos. Curiosamente, o apoio ao cliente sempre foi muito evasivo relativamente às minhas perguntas do custo do MB Way, quase como se não quisessem que as pessoas soubessem que é grátis (pelo menos por enquanto)

    ResponderEliminar
  4. A questão das moedas creio que não se coloca se for aos balcões do banco de portugal apenas. Ou então ligar o modo troll e ir depositando 99 moedas por dia :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. (paga-se €2.5 por menos de 100 moedas... :)

      Eliminar
    2. Então para evitar isso um cliente desse banco tem que ir ao BDP trocar as moedas por notas e depois depositar? Isto está bonito está. Eu sou CGD e no preçário consta 20 centimos por transferencia mbway mas nunca usei. Ainda agora simulei na app mbway e deu-me como isento no custo. Pago comissão de manuntenção mas no site não diz que estão incluidas as operações mbway :)

      Eliminar
    3. Sim, a maioria dos bancos tem estado a apresentar o custo mas não está a aplicá-lo. O que não é propriamente muito lógico... (estamos mais habituados a que cobrem coisas que não dizem; não a não cobrarem coisas que dizem que se paga...)
      ... Mas sabe-se lá, ainda se lembram no final do ano de aplicar as comissões retroactivamente, defendendo-se de que era o valor que estava indicado no preçário!

      Eliminar
  5. Está na altura da Sibs começar a proteger a sério o seu produto, caso queira manter o MBWay por vários anos no mercado. Seria uma boa ideia eles começarem a pensar em criar uma instituição bancária virtual como a Revolut/N26/Bunq, etc

    ResponderEliminar
  6. Estes bancos são uns autênticos chulos, é esperar outra crise e lá vamos nós de novo pagar do nosso bolso a má gestão destes senhores pagos a peso de ouro.

    ResponderEliminar
  7. eu sei que tudo tem a sua utilidade mas bancos sao das coisas mais inuteis, so tiram dinheiro as pessoas, e quando vao a falencia toca a injectar dinheiro publico para salvar essas sanguessugas

    ResponderEliminar
  8. Quando o MB Way apareceu demorou a ganhar adesão e acabei por perder o interesse, agora já cobrança comissões porque está na moda, já o BPI deixei de ser cliente precisamente por causa das comissões e custos que impuseram a todos os clientes.

    ResponderEliminar
  9. Desde que o MBWay apareceu que o serviço tem custos e os mesmos estão espelhados desde sempre nos preçários do Bancos, estes é que nunca cobraram, e um dia vai ser dia, basta o primeiro se lembrar.

    ResponderEliminar
  10. Estive a ver o preçário do BPI em vigor que indica 0,20€ por transferência MB Way. A mim nunca cobraram nada.
    O preço agora anunciado 1,20€ é irrealista. Penso que não irão cobrar nada.
    Se cobrarem mudo de banco. Dá-se o caso de me ter habituado a fazer transferências "nº de telefone MB Way", mas não estou virado para pagar 1,20€.

    P.S. Um meu conhecido, tão distraído como eu, foi fazer compras a um centro comercial com estacionamento pago. Só depois reparou que se tinha esquecido da carteira. "E agora como é que eu tiro o carro?!". Telefonou à mulher "tens que me cá vir trazer a carteira". E lá foi ela.
    E vocês, como é que resolviam usando o MB Way? (Claro que é possível alguém esquecer-se da carteira mas ninguém se esquece do smartphone)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Errr, codigo de levantamento de dinheiro num multibanco do shopping??

      Eliminar
    2. :)
      Sim, o MB Way gera um código para levantamentos no Multibanco. O código dura meia hora. E até permite enviá-lo a outra pessoa.
      Para introduzir o código carrega-se na tecla VERDE (já precisei e não estava a ver onde colocar esse código).

      Eliminar

[pub]