2019/06/03

AMD não activará PCIe 4 nas motherboards existentes


Más notícias para quem tiver comprado uma motherboard topo de gama para um CPU AMD a contar que, com a chegada dos novos Ryzen 3000, pudesse ter direito às velocidades acrescidas do PCIe 4.0. A AMD não quis baralhar o mercado e decidiu fazê-lo apenas para os novos chipsets.

Embora pudesse ser possível a algumas motherboards com chipsets X470, X370, B350, e A320 ter acesso ao novo PCIe 4.0 com a aplicação de um novo CPU AMD Ryzen 3000, a verdade é que isso iria resultar numa enorme confusão. Haveria certas motherboards que poderiam funcionar, outras que só em certas circunstâncias, e outras que mesmo utilizando os mesmos chipsets garantidamente não iriam funcionar. Para o evitar, a AMD já veio esclarecer que não irá activar o PCIe 4.0 nestes chipsets, fazendo-o apenas para os novos chipsets X570 (e futuramente o B550).

O PCIe 4.0 vai permitir transferências de 64GB/s que permitiram criar SSDs ainda mais velozes, assim como acelerar a comunicação entre CPUs e GPUs, e potencialmente abrir as portas a novas aplicações e periféricos que possam usufruir destas transferências acrescidas.

Embora possa ser um pouco frustrante para quem tivesse investido numa placa de topo para o seu AMD a contar com esta possibilidade de upgrade, a verdade é que já estamos habituados a que o processo de actualização do hardware nem sempre seja tão "evolutivo" quando se deseja - particularmente a nível das motherboards (e já muito a AMD tem feito ao manter o socket dos CPUs durante várias gerações).

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]