2019/07/04

Apple vai abandonar teclas problemáticas dos MacBooks


Depois de anos a insistir que não havia problemas com as "novas" teclas do MacBooks, a Apple reconhece que afinal havia, preparando-se para abandonar o mecanismo problemático e regressar ao mecanismo anterior mais fiável.

Segundo informações do habitualmente fiável Ming-Chi Kuo, a Apple vai abandonar as polémicas teclas com mecanismo "butterfly" e regressar ao anterior mecanismo "scissor" - embora remodelado e com a promessa de ser ainda mais resistente que as gerações anteriores.

As teclas "butterfly" tinham um mecanismo que permitia reduzir a altura das mesmas, permitindo emagrecer ainda mais os MacBooks, mas depressa se revelaram bastante susceptíveis a sujidade, fazendo com que o historial de MacBooks com teclas que deixam de actuar, ou que escrevem letras repetidas, se tornasse algo praticamente garantido ao fim de algum tempo - e ao ponto de fazerem muitos fãs adiarem a compra, ou até considerarem a compra de outros portáteis, unicamente por causa do teclado.


A Apple, nunca reconhecendo haver um problema (até muito recentemente), tentou fazer algumas alterações, primeiro com uma membrana que dizia ser para "reduzir o barulho das teclas"(!); e posteriormente com a alteração de alguns materiais.

Seja como for, parece que finalmente se fartou de tentar negar as evidências, e fez aquilo que já deveria ter feito logo desde o início: dar por encerrado este triste capítulo e voltar a apostar num mecanismo de teclas livre de problemas.

Segundo Kuo, as novas teclas serão estreadas no novo MacBook Air a lançar ainda este ano, e serem aplicadas na actualização dos MacBook Pro do próximo ano.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]