2019/11/24

Tesla já tinha fragilizado vidro do Cybertruck antes da apresentação


Para além do choque inicial causado pelo seu aspecto, a apresentação do Cybertruck da Tesla foi marcado pelo teste falhado do vidro blindado - mas agora confirmam-se as suspeitas, de que isso poderá ter sido causado pelos testes feitos nos bastidores antes da apresentação.

A apresentação teve um momento que foi mais partilhado que todos os outros, e foi quando Elon Musk convidou Franz von Holzhausen (Chief Designer da Tesla) a demonstrar a resistência do vidro blindado da Tesla usado no Cybertruck atirando uma esfera de metal contra uma das janelas. Infelizmente, e contrariamente ao que era esperado, o vidro estilhaçou imediatamente (mas demonstrando ser vidro laminado, sem "quebrar" como o vidro das janelas normais dos automóveis). E para piorar a situação, o teste feito logo, noutra janela, teve também o mesmo resultado.

Na altura suspeitei logo que a falha pudesse estar relacionada com testes já feitos anteriormente que tivessem fragilizado o vidro, e parece ser mesmo esse o caso, com Elon Musk a demonstrar que anteriormente já tinha sujeitado o vidro a vários testes abusivos.




Seja como for, ninguém vai andar a testar a resistência do vidro só porque supostamente é "blindado", e muitos já ficarão satisfeitos por saber que têm janelas com vidro laminado que não irá estilhaçar ao mínimo impacto (a não ser que estejam numa situação de emergência em que fosse necessário partir os vidros para abandonar o veículo, e que agora não poderá ser feito com a mesma facilidade do que se usasse vidro normal!)

... De qualquer forma, a Tesla poderá querer trocar alguns apontamentos com o fabricante do vidro usado nas paragens de autocarros em França...

3 comentários:

  1. Agora quem comprar um destes vai ter de se preparar para os atrasados mentais que ao verem um destes na rua vão tentar replicar esta experiência! Já não bastava os inúteis que andam por aí a riscar os carros dos outros!

    Pessoalmente acho que apesar de tudo a esfera não foi atirada com muita força (não sei o peso que terá sequer), mas protecções adicionais aos vidros dos carros são sempre bem vindas. Recordo-me de uma notícia com alguns anos de uns parvalhões que se punham nos viadutos superiores a atirar pedras para os automóveis que passavam por baixo e a quantidade de danos físicos e materiais que causaram.

    ResponderEliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar

[pub]