2020/08/17

Huawei sem actualizações Android com o fim do prazo de excepção?


A situação da Huawei poderá complicar-se ainda mais com o fim do prazo de excepção, potencialmente significando que até os smartphones antigos que tinham acesso aos serviços da Google, deixem de receber actualizações de agora em diante.

Embora os EUA tenha decretado o corte de relações com a Huawei, a empresa chinesa foi usufruindo de um prolongamento temporário para poder ir mantendo relações com a Google e ir lançando actualizações para os equipamentos que já tinham sido lançados com serviços e apps da Google. No entanto, esse prolongamento terminou a 13 de Agosto sem que tenha havido qualquer renovação ou extensão. E como tal, fica em estado incerto se, de agora em diante, veremos qualquer actualização relacionada com a Google.

Enquanto se aguarda por clarificações por parte da Huawei, isso seria o piorar de uma situação já de si péssima. Ao contrário do que acontece com quem compra um P40, que desde logo já se sabe que vem sem as apps e serviços da Google; aqui estamos a falar de penalizar clientes que tinham comprado smartphones com todos os serviços da Google, e que esperariam ter pelo menos os 18-24 meses de actualizações garantidos - incluindo o acesso ao EMUI 11 baseado em Android 11.

É certo que isto é algo que escapa ao controlo (e vontade) da Huawei, mas não deixa de ser um péssimo precedente que vem manchar ainda mais a confiança nas actualizações do Android, e que para além de todas as incertezas e atrasos dos fabricantes, também fica sujeita às birras das entidades norte-americanas, que sem avançar com qualquer tipo de justificação concreta demonstrada por provas, decidem apenas "olha, ficas sem acesso e pronto".

Actualização: A Huawei diz que as actualizações se irão manter como normalmente.

Sem comentários:

Publicar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]