2020/09/06

Apple quer objectos VR mais realistas para realidade aumentada


Não é segredo que a Apple está a trabalhar em óculos de realidade aumentada (que poderão chegar ao mercado lá para 2022), e algumas patentes revelam o tipo de coisas que está a preparar.

Uma das tecnologias que a Apple quer aplicar aos seus óculos de realidade aumentada é a que estreou no Apple Maps do iOS 13: o Look Around. Em vez de dar os "saltos" que temos em sistemas como o Street View da Google, a Apple usa uma série de métodos para criar transições bastante mais naturais e fluidas entre diferentes imagens.


Esta tecnologia será utilizada também para fazer os utilizadores dos Apple Glasses viajarem para outros locais sem se sentirem perdidos ou desorientados.

Não menos interessante, temos também novos sistemas com os quais a Apple quer tornar a exibição de objectos virtuais mais parecidos com objectos reais.
Actualmente já temos visto objectos virtuais que conseguem projectar sombras e até reagir à luminosidade ambiente, mas a Apple quer levar isso ainda mais além. Em vez de se limitar a apresentar um objecto virtual que sobressairia de forma artificial das imagens em que estaria a ser aplicado, a Apple quer aplicar ao objecto virtual o mesmo tipo de interferências do vídeo a que será aplicado. Por exemplo, num ambiente escuro em que se fica com "ruído" devido à baixa luminosidade, esse mesmo efeito será aplicado aos objectos VR.

Tendo em conta o grande flop que foram os Google Glasses, a Apple parece ter o caminho desimpedido para poder dominar nesta área, e tem também a combinação de factores necessário para poder ter sucesso onde a Google falhou: experiência na criação de hardware feito por medida e software a acomapanhar, capacidade para produção em volumes elevados para manter custos reduzidos, e tem preparado o caminho ao longo dos últimos anos com o ARkit do iOS, para não sofrer do mal do Magic Leap, que mesmo tendo sido "lançado", parece continuar sem aplicações práticas efectivas que cativem o público (não que interessasse, considerando o seu preço).

Sem comentários:

Publicar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]