2020/11/04

Massachusetts aprova Right to Repair para os automóveis

O estado do Massachusetts nos EUA aprovou por larga maioria o direito ao acesso aos dados nos automóveis para permitir a sua reparação em oficinas não oficiais.

Enquanto se vai aguardando pelo resultado definitivo das eleições presidenciais norte-americanas para ver se Biden tirou Trump da Casa Branca, há uma votação que não precisa de mais espera. No Massachusetts a medida de direito à reparação foi aprovada com cerca de 75% dos votos, tornando-se numa importante vitória para os direitos dos consumidores.

Embora neste caso a medida diga especificiamente respeito aos automóveis e demais veículos, no sentido de garantir o acesso livre aos dados que os fabricantes têm mantido em segredo apenas para seu uso próprio, funciona como um primeiro passo que seguramente irá alastrar a mais estados e inevitavelmente expandir-se também a outras áreas como os equipamentos electrónicos, onde temos visto um aumento das restrições daquilo que se pode reparar sem a autorização do fabricante.

O lobby dos fabricantes que se opunha a esta medida chegou ao ponto de tentar assustar os consumidores, dizendo que se esta medida passasse, poderia dar aos predadores sexuais dados que facilitassem saber por onde andam para planearem os seus ataques. É o que se chama de verdadeiro desespero, que felizmente não foi capaz de impedir que as pessoas escolhessem o "Direito à Reparação".

1 comentário:

  1. Excelente notícia.

    Agora vejamos o que virá daí em termos de "contra ofensivas"...

    ResponderEliminar

[pub]