2020/12/03

Samsung pode abandonar Galaxy Note em 2021

A Samsung pode simplificar a sua oferta em 2021, abandonando os Galaxy Note e transferindo as suas capacidades para os Galaxy S e Galaxy Z Fold dobráveis.

A Samsung pode ser o fabricante de smartphone que ocupa o topo da tabela, mas é também frequentemente acusada de ter um número excessivo de modelos. Algo que poderá mudar já no próximo ano (2021) com o abandono da série Galaxy Note.

Os Galaxy Note são uma série icónica da marca, apesar do desaire dos Galaxy Note 7 "explosivos", destacando-se pelas suas dimensões generosas e a presença de um stylus que, até então, parecia ter caído em desuso. A nível de tamanho de ecrã a evolução do mercado fez com que até os smartphones convencionais começassem a ter ecrãs gigantes, deixando de ser um factor diferenciador, e no próximo ano a Samsung poderá fazer o mesmo relativamente ao stylus, lançando modelos Galaxy S com stylus incluído e Galaxy Z Fold compatíveis com stylus, que tornam desnecessários os Galaxy Note.

O preço elevado dos Galaxy Note, acima dos iPhone, poderá também ter contribuído para esta decisão, mas será preciso ter em conta que os Galaxy S e Z Fold também não são propriamente acessíveis - em particular estes últimos. E a isto soma-se o facto de, sem Galaxy Note, a Samsung deixar de ter um novo modelo chamativo para a época de final de ano, para fazer frente ao período de lançamento de novos iPhones.

1 comentário:

  1. A ser verdade é uma decisão que certamente foi estudada... Talvez porque o que diferenciava era o tamanho e caneta...

    Hoje em dia o tamanho é quase tudo acima dos 6"...só falta a caneta.

    ResponderEliminar

[pub]