2021/07/14

Zigbee Direct quer usar Bluetooth para dispensar gateways

A Connectivity Standards Alliance (CSA), responsável pelo futuro do ZigBee (Matter) revelou o Zigbee Direct que quer facilitar o acesso a estes dispositivos à boleia do Bluetooth.

O ZigBee foi criado de raiz para servir como meio de comunicação para dispositivos IoT, contando de origem com funcionalidades como o mesh e consumo ultra-reduzido, permitindo que acessórios compactos a pilhas possam funcionar por um ano ou mais. Infelizmente, sofrem do mal de não terem tido uma adopção tão abrangente como o WiFi ou Bluetooth, que actualmente se encontram em todos os computadores e smartphones, sendo necessário recorrer a um gateway para que se possa falar com eles - algo que o ZigBee Direct espera conseguir resolver.

Com o ZigBee Direct, a CSA propõe a utilização dos próprios dispositivos ZigBee como pontos de acesso, possibilitando que os utilizadores utilizem algo como o Bluetooth para se ligarem a eles, mas daí tendo acesso a toda a rede ZigBee a que o dispositivo está ligado.
A ideia é interessante, mas imagino que o resultado possa até vir a ser contraproducente. Neste momento sabemos que o acesso a uma rede ZigBee é feita através de um gateway. Assumindo este ZigBee Direct e uma casa com algumas dezenas de produtos ZigBee, poderá revelar-se uma grande dor de cabeça saber se estamos a aceder através de Bluetooth e qual o dispositivo que está a fazer esse efeito: será a lâmpada na sala de estar, ou outra no corredor? E o que fazer quando não se estiver ao alcance da rede Bluetooth e se quiser controlar aqueles dispositivos?

2 comentários:

  1. E a questão da autonomia...?

    ResponderEliminar
  2. Suponho que os dispositivos que adotam o Bluetooth e ZigBee serão apenas os que têm uma alimentação permanente tais como tomadas comandadas lâmpadas ou algo que fique ligado a um ponto de energia constante.

    ResponderEliminar

[pub]