2022/08/06

A praga das notificações

Passamos cada vez mais horas por dia agarrados aos smartphones, e as notificações acabam por muito contribuir para isso.

Os últimos estudos indicam que há países onde já se passa mais de 5 horas por dia agarrado ao smartphone, numa tendência crescente que nos faz pensar em tudo o que se tem deixado de fazer nessas horas. E uma parte significativa desse tempo poderá ser atribuído à "praga" das notificações.

Mesmo quando se tenta pousar o smartphone, não deverá demorar mais que alguns minutos para que uma nova notificação ilumine ou ecrã ou faça tocar um som, em busca da atenção incessante do utilizador. É uma verdadeira overdose que, nalguns casos, pode já ter atingido o nível de dessensibilização, fazendo com que simplesmente se ignorem todas as notificações, correndo o risco de realmente perder algumas coisas importantes.

Não há praticamente app que se instale que não comece desde logo por pedir permissão para o envio de notificações. E isso levou também a uma complexidade crescente na forma como são geridas. Em vez de um simples "aceito / não aceito", as definições das notificações são hoje um labirinto que não só permite dizer onde as queremos ver e se queremos som, mas também agrupá-las, mostra-las apenas em determinados perfis, ou em determinados horários, ou apenas em caso de urgência. Uma infinidade de possibilidades de configuração que, apesar de úteis e poderosas, acabam por dar dores de cabeça só de pensar nisso.
A minha táctica tem sido mais simples: simplesmente bloquear todas as notificações, excepto nos casos em que realmente seja indispensável. Infelizmente, não é táctica que funcione a 100%.

O que mais me irrita actualmente são as apps das quais desejamos receber notificações, mas que depois abusam desse privilégio. Por exemplo, apps bancárias, onde queremos estar a par das operações que são feitas, mas que depois começam a enviar notificações publicitárias - sem que sequer seja dada qualquer opção para que apenas se recebam as notificações verdadeiramente importantes. Aí não temos muitas hipóteses... a não ser reclamar, e pedir para que seja dada essa opção.


P.S. Esqueci-me de outras notificações que são verdadeiramente obscenas: aquelas que se limitam a dizer "recebeu uma mensagem - abra a app para a ver", em vez de apresentarem a mensagem na própria notificação!

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]