2018/03/16

Notícias do dia

Mini autocarros autónomos chegam ao Porto em 2019; as apps Android mais gastadoras de espaço e dados; o teclado Swiftkey ganha barra de ferramentas e stickers personalizáveis; consola arcade Pandoras Box 5S a €146; e a Califórnia propõe net neutrality mais exigente e proibição do zero-rating.

Antes de passarem às notícias, não se esqueçam que já temos novo gadget para vos oferecer esta semana: um carregador USB para automóvel Roidmi 3S da Xiaomi, com Bluetooth e emissor FM.

Samsung Galaxy S9 e S9+ já disponíveis em Portugal



Os mais recentes topo de gama da Samsung chegam hoje às lojas nacionais, e não vão faltar sítios a promover estes novos Galaxy S9 e S9+ onde todos os interessados (ou meros curiosos) poderão vê-los e experimentá-los. Até dia 27 de Março a Samsung terá o Samsung Galaxy S9 Studio no Centro Colombo; que chegará também ao NorteShopping a partir do dia 30 de Março.


Um "estúdio" que conta com vários espaços onde os visitantes poderão por à prova as melhorias dos S9, como um espaço onde se pode escutar a sua qualidade sonora com o som Dolby Atmos e colunas AKG; o novo modo de super câmara lenta a 960fps; os emoji em realidade aumentada, e as fotos em ambientes de baixa luminosidade, tirando partido da câmara com abertura dupla de f/1.5 e f/2.4.


Google oficializa transição do Android Wear para Wear OS

Depois dos rumores, a confirmação. O Android Wear está morto, passando a partir de agora a ser designado por Wear OS.

Por agora a Google não avança com grandes explicações para esta mudança - para além de referir que há muitos utilizadores a usarem smartwatches Android Wear com iPhones, o que implicitamente faz com que seja mais lógico utilizar um nome agnóstico como Wear OS - mas é de esperar que esta remodelação vá ser seguida por alterações mais significativas que tragam novidades... para além do nome.


Mineradores de criptomoedas egotam electricidade barata em Plattsburgh



O condado de Plattsburgh no estado de Nova Iorque está enfrentar uma situação caricata, depois da sua electricidade barata ter atraído empresas de mineração de criptomoedas... que gastaram toda a sua electricidade e fizeram com que o custo da energia subisse para todos os residentes.

Em Plattsburgh, a electricidade custa apenas $0.02 por kWh para as empresas (a média no resto do país é de $0.10) por terem uma barragem no condado, mas o problema é que também têm um limite de 104MWh mensal - valor que, devido à chegada de empresas de mineração de criptomoedas, tem sido ultrapassado, fazendo com que o condado tenha que comprar electricidade a preços mais elevados e a cobrar esse custo extra aos residentes.

Está agora a tentar encontrar-se uma solução que não penalize os moradores, que por causa deste afluxo, têm recebido contas de electricidade $100 a $200 mais caras do que costumavam pagar.


Google Lens chega aos iPhones via Google Photos




Depois dos Android e agora vez de também os utilizadores de iPhones poderem ter acesso à inteligência artificial do Google Lens através da app Google Photos, que permite apontam a câmara do smartphone para onde se quiser e, de forma quase imediata, ter acesso a informação sobre o que o smartphone está a ver.

Embora não funcione com tudo, é surpreendente ver a facilidade com que se podem identificar livros, marcas, reconhecer cartões de visita e muitas outras coisas que servirão para nos relembrar as potencialidades da computação "visual", em que os nossos aparelhos sejam capaz de melhor interpretar aquilo que estamos a ver, e nos dar informação ou opções em conformidade.


Curtas do dia


Resumo da madrugada

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]