2018/07/15

Apple corrigiu teclado dos novos MacBooks mas recusa-se a admitir que o fez


A maior novidade dos teclados "silenciosos" instalados nos novos MacBooks não tem nada a ver com o nível de ruído, mas sim com a correcção que era imprescindível para rectificar os muitos problemas que afectam os teclados dos últimos anos.

É impressionante a forma como a Apple tenta controlar a narrativa sobre todos os seus produtos, e neste caso isso passa por nem sequer fazer qualquer referência à maior resistência das teclas ao pó e sujidade, que facilmente encrava as teclas antigas, mas sim a de que a nova membrana que foi aplicada se destina unicamente a "reduzir o ruído da tecla" - aparentemente esperando que ninguém se lembre de que há apenas alguns meses registou uma patente precisamente desta membrana, com a elucidativa descrição de que se destinava a reduzir a possibilidade de infiltração de resíduos ou contaminantes que prejudicassem o funcionamento da tecla.

Mas, acho que se tem que admitir que é o tipo de coisa que se tem que esperar de uma empresa que tentou esconder o abrandamento feito nos iPhones por conta das baterias gastas, até não ter outro remédio senão admiti-lo publicamente; e que - para cúmulo dos cúmulos não admite que se diga que o iPhone X tem um ecrã "recortado"; não, na perspectiva da Apple, o ecrã do iPhone é meramente um ecrã completo que se expande para todas as parte possíveis que pode ocupar! Estão a ver a diferença? Não é um ecrã ao qual falta um pedaço, é um ecrã que cresceu para além do normal, mas não pode crescer para cima do Face ID... enfim... Talvez no tempo de Steve Jobs o seu "Reality Distortion Field" pudesse aguentar coisas destas, mas nos tempos que correm, é apenas "surreal".

Vamos ver de que forma este encapotado reconhecimento de problemas nos seus teclados irá afectar os processos que há em curso a esse respeito. E também como todos estes subterfúgios irão afectar a credibilidade da marca nos seus clientes de longa data, que têm grandes probabilidades de vir a ter problemas nos teclados dos seus MacBooks ao final de alguns anos (e o programa de reparação gratuito só se aplica nos primeiros 4 anos).


Actualização: sem grandes surpresas, mais uma vez a a Apple foi apanhada a mentir descaradamente.


7 comentários:

  1. "todos estes subterfúgios irão afectar a credibilidade da marca nos seus clientes de longa data"

    Achas?
    Esses clientes lesados mais depressa atacam todos aqueles que dizem algo contra a Apple do que se queixarem que têm um equipamento premium defeituoso.

    ResponderEliminar
  2. Não vai afetar nada. Os teclados darem o berro é uma feature para avisar o dono que está na hora de gastar mais uns milhares e trocar de computador

    ResponderEliminar
  3. O que mais me intriga é o fenômeno de cegueira pela marca....pode acontecer tudo que os clientes aceitam tudo com ..normalidade.....são ideias...
    Este comentário também se aplica a outras marcas....

    ResponderEliminar
  4. Eu mesmo que não queira ser maldizente, tenho de concordar com os 2 comentários acima, como é que a Apple consegue ludibriar tudo e todos não sei , hoje aconteceu-me uma coisa muito gira com uma pessoa que gosto muito da minha família, mostrou-me a sua nova aquisição o Iphone 8 e eu quis experimentar a câmera e comparar em situação de igualdade com o meu Android, e eu perguntei-lhe antes de tirar a foto aonde é que estão as definições da câmera e ela disse-me há isso é muito fácil em IOS, por isso é que eu não me entendo com o android, bom resumindo ela não sabia aonde ficavam as definições da câmera nem o seu marido que me acabou por dizer que a Apple tira sempre na definição máxima, bom este episódio é ilustrador de quanto as pessoas estão alienadas e convencidas pelo marketing que possuem não só o melhor equipamento , mas também o mais fácil de utilizar.

    ResponderEliminar
  5. Eh pá, entre posts e comentários isto anda parecido com o pplware ;-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vindo de quem tanto negou a lentidão das baterias, não posso dizer que me surpreenda. ;P

      Eliminar
  6. Um bom produto de design é quando o mesmo se assenta em 3 conceitos- design ,função e custo de produção. Portanto penso sempre no preço/benefício. E não no marketing agarrado ao mesmo.

    ResponderEliminar

[pub]