2020/05/05

Notícias do dia

Num dia praticamente dominado por serviços da Google, temos a chegada do Meet ao Gmail, dispositivos Android TV já podem fazer parte de grupos de colunas; app do Google Duo vai dispensar números de telefone; mas temos também o caso de SMS fraudulentos em nome da Netflix; a chegada do Ubuntu 20.04 LTS; vimos como tirar uma rede WiFi da localização da Google e Microsoft; e que para além do Zoom, também o Skype, Teams, Meet e Duo levantam preocupações de privacidade.

Antes de passarmos às notícias de hoje, relembro que temos novo passatempo gadget da semana, que desta vez te dá oportunidade de ganhares um anel com indicador de temperatura.

Apple e Google proíbem recolha de localização para API de alerta do Covid-19



A Apple e a Google já estão a fornecer exemplos para utilização da sua API destinada a alertar pessoas que possam ter estado em contacto com outras pessoas infectadas com Covid-19, mas as preocupações com garantir o máximo de privacidade dos utilizadores podem torná-la pouco apelativa para alguns países que desejem "saber mais" sobre o contágio: nomeadamente, devido à proibição de qualquer tentativa de associação destes dados à localização dos utilizadores.


Este sistema desenvolvido em conjunto pela Apple e Google baseia-se em identificadores temporários que que vão mudando regularmente, mas fica dependente da existência de uma app oficial (com limitação de uma por cada país, para evitar a fragmentação) que tratará do aspecto de sinalizar quem for marcado como infectado.

Além disso, o sistema relembra repetidamente que é completamente voluntário, e permite que qualquer utilizador o possa desactivar a qualquer momento - algo que também poderá não agradar a alguns países.


App de contact tracing do Reino Unido não funciona e pode ser ilegal



Mesmo a propósito da notícia anterior, no Reino Unido foi criada uma app própria para o contact-tracing, que começa desde logo por pedir o acesso à localização dos utilizadores - mas que, demonstrando um total desfasamento com o mundo real, tem limitações completamente inacreditáveis e absolutamente ridículas.

Ora vejamos, que vos parece a ideia de instalarem uma app que, para além de vos querer monitorizar a cada momento, só funcionará devidamente se a mantiverem a correr em primeiro plano e com o smartphone permanentemente activo (com o ecrã ligado) sem entrar em modo de suspensão? Pois é... vá-se lá perceber como é que alguém sequer dá luz verde a projectos assim... Mas, imagino que seja daquelas decisões fáceis de fazer quando é à custa do dinheiro dos contribuintes...


Utilizadores passam 75% mais tempo no Windows 10



A Microsoft revelou que o tempo passado a utilizar o Windows 10 aumentou para os 4 biliões de minutos por mês, representando um aumento de 75% face aos valores do ano passado. Um valor seguramente também potenciado pelos efeitos do Covid-19 já que, se no caso dos utilizadores em tele-trabalho esse tempo já seria equivalente ao que passariam à frente de um computador no local de trabalho, temos que contabilizar todos os milhões de alunos que, de um dia para o outro, passaram também a ficar várias horas à frente de um computador para acompanhar as aulas remotamente.


Faltando saber em que parte isso também terá sido auxiliado pelos efeitos do Covid-19, anuncia também que irá alterar o posicionamento do Windows 10X, que irá deixar de se focar exclusivamente nos modelos "dual-screen" para dedicar mais atenção aos portáteis tradicionais, que são os mais populares.


Campanha #Deixe o Sol Entrar da Claro provoca a ira dos clientes no Brasil



As boas intenções da operadora de telecomunicações brasileira Claro em alterar temporariamente o nome da rede para promover o optimismo no território, parecem estar a ter o efeito oposto. São muitos os clientes que estão a ser surpreendidos pelo novo e longo nome nos seus smartphones, e não parecem estar a gostar do que vêem.

O nome comprido faz com que a sua apresentação pareça um cartaz publicitário a deslizar no ecrã de alguns smartphones, enquanto noutros vai provocando alguns "bugs" oscilantes que também se revelam particularmente irritantes.



Talvez tenha sido por isso que a Vodafone Portugal optou por alegar "impossibilidades técnicas" para mudar o nome por cá... :)


Curtas do dia


Resumo da madrugada

Sem comentários:

Publicar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]