2022/02/01

Notícias do dia

Serviço de streaming HBO Max chega a Portugal em Março com 4K e Dolby Atmos; Gmail prepara interface renovado com polémica garantida; Sony compra Bungie; Wordle vendido ao New York Times deixa jogo gratuito em risco; a conta surpresa da cloud do Have I Been Pwned; sites com Google Fonts violam RGPD na Europa.

Antes de passarmos às notícias do dia, não deixes de participar no nosso passatempo semanal que desta vez te pode valer um carregador Anker Nano USB-C.

Serviços de streaming enfrentam subscritores "infieis"

Nos EUA os serviços de streaming estão frustrados por assistirem a um fenómeno que por cá já prevíamos há muito que iria acontecer com o aumento substancial do número de serviços no mercado. Apesar de ficarem felizes com o aumento súbito do número de subscritores, também ficam desapontados ao descobrirem que grande parte deles abandona o serviço ao fim de um mês.

Com o aumento da oferta, são cada vez mais as pessoas que aderem a um serviço apenas para verem uns filmes ou séries que lhes interessem, e que depois cancelam a subscrição, no mês seguinte optando por repetir o processo noutro serviço de streaming, e assim sucessivamente. Veremos de que forma os serviços poderão querer combater isto, começando a exigir períodos mínimos de permanência, por exemplo, mas que não deverá ter grandes hipóteses num sector onde exista verdadeira concorrência e não haja concertação de esforços por todos.


Tesla desactiva STOP "rolante"

A Tesla vai desactivar a funcionalidade que fazia com que o FSD se comportasse como os humanos, não parando completamente nos sinais STOP.

No início do ano a Tesla lançou uma actualização que permitia que o FSD passasse nos sinais STOP sem parar completamente, replicando o estilo de condução de praticamente todos os condutores humanos. No entanto, o desejo de aumentar a fluidez e naturalidade de interação com o resto do trânsito vai ter que ser posta em pausa, depois das entidades rodoviárias se mostrarem preocupadas com esta funcionalidade, dizendo que pode aumentar os acidentes.


Apple testa web push notifications no iOS

A Apple está a testar web push notifications no Safari no iOS 15.4 beta, fazendo prever que esta funcionalidade seja disponibilizada num futuro não muito distante.

A Apple é bastante criticada por restringir as apps que entram na App Store e dizer que quem não concordar pode usar uma versão web; mas depois fazer os developers reféns ao manter o Safari "atrasado" em diversas tecnologias que todos os outros browsers já adoptaram. As push notifications são um desses exemplos, e embora na maioria dos casos sejam algo que todos bloqueiam para não serem chateados "por tudo e por nada" por sites sem interesse, também se revelarão bastante úteis para potenciar web apps mais úteis e versáteis.


Curtas do dia


Resumo da madrugada



Curiosidade do dia: A Nintendo Game Boy foi uma consola portátil lançada em 1989. Apesar de ser tecnicamente inferior a consolas concorrentes, e tendo apenas um ecrã monocromático não iluminado, acabou por conquistar o público com a sua autonomia e robustez. Deixou de ser produzida em 2003.

1 comentário:

  1. começar a exigir períodos mínimos de permanência, vai ser um tiro no pé, as pessoas deixam de usar.

    ResponderEliminar

[pub]