2019/09/27

Samsung Galaxy Fold volta a apresentar problemas no ecrã a 1 dia do relançamento


A história volta a repetir-se para a Samsung, com novo caso de problemas no ecrã dobrável do Galaxy Fold a horas do seu relançamento.

Depois de muitos anos a prometer a chegada de um smartphone com ecrã dobrável, a Samsung lá apresentou o seu Galaxy Fold, apenas para adiar o seu lançamento após ter sido descoberta a sua fragilidade, com vários modelos enviados para testes a exibirem problemas devido a lixo que se infiltrava para trás do ecrã através do mecanismo da dobradiça.

Depois de cinco meses de trabalho adicional, a Samsung anunciou o relançamento do Galaxy Fold, com protecções adicionais para minimizar a probabilidade de entrada de lixo, e tudo parecia estar bem encaminhado - com o mecanismo de dobragem a conseguir resistir positivamente a abusos. Infelizmente, com apenas um dia de uso, já há modelos de teste que já começaram a exibir problemas no ecrã.

Neste caso, trata-se de um repórter que não tinha tido problemas nos modelos originais, e que não sujeitou o seu novo Galaxy Fold a qualquer tipo de teste abusivo, nem a quedas, nem exposição a pó ou areia. Diz ele que simplesmente se limitou a dar um uso normal ao Galaxy Fold, e que ao abri-lo com apenas um dia de uso, descobriu que o ecrã tinha alguns pixeis multicoloridos permanentemente iluminados na parte do ecrã que dobra.

A suspeita é que possa estar relacionado com o pressionar do ecrã naquela zona durante o processo de o fechar, mas obviamente que faz lançar novos alertas caso se venha a verificar que isto não é um caso isolado e se torne num problema congénito do modelo que venha a fazer-se sentir em muitas mais unidades. Por agora, e considerando que estamos a falar de um smartphone de 2000 euros, o melhor será aguardar mais um pouco para que desenvolvimentos haverá deste caso.

1 comentário:

  1. O melhor mesmo é esquecer o Fold. Está visto que a tecnologia do ecrã ainda está "verde".

    ResponderEliminar

[pub]