2021/04/28

Notícias do dia

Como desbloquear o iPhone com máscara e Apple Watch no iOS 14.5; Honda prepara CB eléctrica para 2024; Vivo mostra os testes de resistência dos seus smartphones; Apple M2 entra em produção este mês; sistema de tracking Covid-19 da Google pode expor dados privados; Bose deixa de exigir criação de conta para configurar earphones e headphones.

Antes de passarmos às notícias do dia, é o último dia para poderes participar no passatempo FCA Práticas de Python - Algoritmia e Programação; e também já arrancou o novo passatempo gadget da semana que te pode valer um smartwatch Zeblaze Crystal 3. Participa e partilha.

Netflix "Play Something" mostra "qualquer coisa" para os indecisos

A Netflix está a lançar uma nova funcionalidade que aproxima o serviço dos canais de TV tradicionais, para tentar conquistar os clientes que não sabem o que hão-de ver a seguir. Com o Play Something os utilizadores poderão ver "qualquer coisa", e ir fazendo "zapping" para ir mudando de conteúdos até que apareça algo que lhes capte o interesse.

Poder escolher-se exactamente o que se quer é uma das grandes vantagens dos serviços de streaming, mas isso só é uma vantagem quando sabemos o que queremos ver. Quando esgotamos essa lista de coisas não é incomum ficar-se a olhar para o ecrã, indeciso, a percorrer as listas de sugestões em busca de algo. Este Play Something funcionará como uma alternativa a esse cenário, e que tentará evitar que o cliente se escape "para qualquer outro lado" (leia-se: um serviço concorrente).

Esta opção ficará disponível tanto nas apps das Smart TVs como na apps Android e iOS.


Sony já vendeu 7.8 milhões de PS5

Mesmo com as dificuldades de as encontrarem nas lojas, a PS5 continua a ser um sucesso, com a Sony a revelar que já vendeu 7.8 milhões de consolas, tendo conseguido superar o ritmo de vendas da PS4 a nível mundial, que em período idêntico tinha vendido 7.4 milhões de unidades (e maior diferença seria, se não tivesse havido o constrangimento de conseguir comprar uma).

A Sony também tem registado um aumento do número de subscritores do serviço PlayStation Plus, que agora atinge os 47.6 milhões de jogadores.


MS procura novo tipo de letra para o Office

Após mais de uma década, a MS quer mudar o tipo de letra usado para os documentos do Office (que tem sido o Calibri desde 2007) e apresenta os 5 candidatos finalistas: Tenorite, Skeena, Bierstadt, Seaford e Grandview.

Logicamente, os utilizadores continuarão a ter a opção de usarem qualquer uma das muitas centenas de "fonts" disponíveis para os seus documentos, mesmo com o risco potencial de fazer com que continuem a achar piada a imprimir documentos em "Comic Sans".


Apple define defesas para processo contra a Epic

O processo Apple vs Epic arranca na próxima semana (3 de Maio), e a Apple já entregou os testemunhos que irá utilizar como defesa para se proteger das acusações de posição dominante e abusiva sobre a App Store e a cobrança de comissões. A táctica passará por argumentar que: 1) o iOS e App Store não têm dimensão suficiente para poder ser considerado um monopólio; 2) que os utilizadores podem usar o browser Safari como alternativa para fazerem compras sem pagarem comissões à Apple; 3) que 92% dos utilizadores tem acesso a outros dispositivos (para além de iPhones e iPads) onde podem jogar jogos; 4) que permitir outras app stores iria por em risco a segurança dos utilizadores.

Argumentos para os quais a Epic seguramente apresentará uma série de testemunhos e respostas em sentido oposto; sendo este um caso importante que poderá alterar por completo o futuro do iOS. Vai ser uma rica "novela" para acompanhar a partir da próxima semana.


Curtas do dia


Resumo da madrugada



Curiosidade do dia: Antes dos touchscreens se popularizarem, uma das tecnologias que existiam eram as light pens, canetas que permitiam o utilizador interagir com os conteúdos em ecrãs CRT. A primeira light pen foi criada em 1955 no MIT, e tornaram-se bastante populares nas décadas de 60, 70 e 80. A caneta tinha um sensor que detectava a luminosidade do varrimento feito nos ecrãs, e através disso, determinava a sua posição.

1 comentário:

  1. "mesmo com o risco potencial de fazer com que continuem a achar piada a imprimir documentos em "Comic Sans"."

    Como há agentes judiciais em Portugal que o fazem? Sempre me fez confusão que não houvesse uma determinação básica do tipo de letra e quais os estilos que podem ser utilizados em documentos oficiais do Estado Português, mas o que podemos fazer...

    ResponderEliminar

[pub]