2021/07/27

Jeff Bezos não desiste da Lua e tenta aliciar a NASA com 2 mil milhões de dólares

A mini-viagem ao espaço de Jeff Bezos parece tê-lo inspirado o suficiente para investir 2 mil milhões no seu mau-perder contra a SpaceX de Elon Musk.

Se há coisa que Jeff Bezos tem demonstrado na sua paixão pelo espaço, é a de não gostar de perder. Na ida ao espaço fez questão de tentar dizer que Richard Branson não chegou oficialmente ao espaço, e no contrato para desenvolvimento do novo módulo lunar, que a NASA decidiu atribuir unicamente à SpaceX também foi imediatamente seguida de uma reclamação que suspendeu o projecto.

Agora, talvez temendo que a decisão do recurso não lhe seja favorável, decide vir lavar a "roupa suja" para a praça pública, com uma carta aberta em que diz estar disposto a investir 2 mil milhões de dólares do seu próprio dinheiro no projecto do módulo lunar, e de como isso é uma oportunidade "imperdível" para a NASA.

Não é segredo que a NASA preferia ter escolhido dois projectos para o módulo lunar, para evitar ficar dependente de um único fornecedor; mas por outro lado, o que Jeff Bezos não refere, é que a proposta da SpaceX ficou por 2.89 mil milhões de dólares, e que a da Blue Origin era de 5.99 mil milhões de dólares. Mesmo que Bezos faça o "desconto" de 2 mil milhões de dólares, ainda assim ficará por um valor de 3.99 mil milhões, ou mil milhões de dólares a mais a subtrair ao bolso dos contribuintes norte-americanos (na realidade, 4 mil milhões, pois neste momento nem sequer pagariam por um segundo projecto).

A decisão da NASA quanto ao projecto do módulo lunar é esperada para o início de Agosto, e aí iremos ver se temos nova corrida à Lua entre a SpaceX e Blue Origin, ou se teremos que passar os próximos anos a ver Jeff Bezos a tentar convencer-nos que a eventual chegada da SpaceX à Lua não será real, e será gravada num estúdio em Hollywood, ou algo do género.

5 comentários:

  1. Este gajo é impressionante no mau sentido.

    Que tal investir esse dinheiro em melhores condições? Nop

    Ou simplesmente oferecer condições dignas? Ridículo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A questão aqui é que a empresa dele não tem experiência nenhuma, a não ser em vôos suborbitais. Fala-se do New Glenn, mas não se vê nada. Enquanto isso a SpaceX continua com o projeto Starship a todo o vapor, e os trabalhos correm a uma grande velocidade. Além de ser mais barato, a probabilidade de conseguirem dentro do prazo é muito maior do que com a Blue Origin.

      Eliminar
  2. É evidente que a riqueza no mundo está completamente mal distribuída.

    Existem recursos suficientes para matar a fome ale dar abrigo a todos os seres humanos em necessidade, mas...

    Pois... Enviar humanos para o monte de pó que é a Lua...

    #faztodoosentido

    ResponderEliminar

[pub]