2022/02/24

Notícias do dia

LG abandona painéis solares devido aos custos galopantes pós-COVID; MNE alvo de ataque informático; Oppo apresenta novos Find X5; Ring vai permitir usar câmaras ONVIF (a quem pague por isso); e Chrome 100 perde poupança de dados em Android - Google dis que dados móveis são baratos.

Antes de passarmos às notícias, já temos novo passatempo semanal, que desta vez te pode valer exemplares do livro Segurança em Redes Informáticas da FCA.

Meta mostra assistente de criação de mundos virtuais

A Meta demonstrou um protótipo de um assistente de criação de mundos virtuais, capaz de criar todo o tipo de cenários através de comandos de voz. O pedido de criação de uma praia, acrescentando elementos como mesas e outros acessórios pode ser feito com facilidade, e demonstra as intenções da Meta de estar na linha da frente para a criação de um "holodeck" nos mundos VR onde os utilizadores possam criar os seus mundos de sonho sem necessidade de ferramentas complexas que demoraria bastante tempo a dominar.

Será um passo que, de seguida, poderá permitir que o mesmo tipo de funcionalidade possa ser expandida à criação de jogos, automações, ou todo o tipo de coisas que habitualmente apenas é feito por pessoas com conhecimentos especializados - mas que poderá ficar acessível a todo o mundo, desde que saibam pedir e explicar o que querem.


Twitch regressa à Xbox

Quase dois anos após a remoção da integração com o popular serviços de livestreaming, a Xbox volta a contar com integração directa com o Twitch - algo que era muito pedido pelos utilizadores e, principalmente, por todos os que desejavam fazer streaming para a plataforma que agora pertence à Amazon.

O processo implica fazer a associação da conta Twitch com a consola, e fica disponível na secção Capture and Share -> Live Streaming da página nas definições.


Musk quer jogos Steam nos Tesla

Continuando a falar de jogos, Elon Musk quer ampliar imensamente os jogos que se podem jogar a bordo dos Tesla. E em vez de continuar a investir numa plataforma de jogos própria para os seus carros, parece estar mais interessado em fazer uma parceria com a Valve de modo a trazer os jogos Steam para os Tesla.

Não deixa de ser uma medida surpreendente, considerando que hoje em dia é bastante mais comum se ver o oposto, com toda e qualquer marca ou empresa a querer replicar o que já existe e criar mais uma plataforma alternativa que fragmenta o mercado. Mas a verdade é que também Musk parece achar o mesmo que a maioria dos consumidores quanto a isso, tendo até expressado a sua frustração no Twitter face à quantidade de serviços de streaming que existem, e se continuam a multiplicar.


Elon Musk queixa-se do excesso de serviços de streaming


Num mundo em que se vão multiplicando as plataformas de streaming, e em que cada uma delas vai apostando em cada vez mais exclusivos (e remoção de conteúdos das plataformas concorrentes), chega-se a um ponto em que é inevitável voltar a olhar-se para as opções de pirataria. E desta vez essa alusão foi feita pelo próprio Elon Musk, que até deu a dica de que M. Night Shyamalan deveria fazer um filme de terror sobre isso.

Olhando-se apenas para as principais: Netflix, Amazon Prime Video, Disney+, Apple TV+, HBO, Paramount, facilmente se compreende essa frustração - que se multiplica sempre que se troca de TV ou se compra uma nova Smart TV, passando pelo processo de reautenticar o novo televisor - e, ainda mais chato, descobrir como remover o antigo, no caso de ter avariado. Talvez Shyamalan também sinta o mesmo, e já esteja a pensar que Musk pode ter razão... :)




Curtas do dia


Resumo da madrugada



Curiosidade do dia: O Twitch foi criado em 2011 como derivado do Justin.tv, mas o seu foco no streaming de jogos depressa acabou por suplantar o interesse da plataforma genérica que lhe deu origem. O Justin.tv acabaria por encerrar em 2014, e a Amazon ficou com o Twitch por 970 milhões de dólares.


Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]