2019/08/09

Notícias do dia

Pedidos de RGPD podem expor informação privada de outras pessoas; Huawei revela HarmonyOS e que smartphones vão receber EMUI 10; nas promoções temos um portátil Chuwi AeroBook a €390 e uma TV Box X96H com Android 9 a €35; Xiaomi prepara smartphone com câmara de 108MP; navegação em realidade aumentada Live View chega ao Google Maps para todos; Apple esconde estado da bateria em iPhones com baterias não autorizadas.

Antes de passarmos às notícias do dia não te esqueças de participar no passatempo FCA que te pode valer livros C# 7.0 com Visual Studio, e também aproveitar a oportunidade para aderires ao Clube AadM+ para poderes ganhar mais gadgets todos os meses.

Site "já não dá para abastecer" mostra estado dos postos de combustível



Com o país a avançar para nova confusão de falta de combustíveis devido à greve dos camionistas, importa relembrar novamente a utilidade do site já não dá para abastecer, do VOST Portugal. Este site permite ver que postos de combustível ainda têm combustível e quais já terão os depósitos vazios, poupando viagens sem sentido que apenas contribuirão para gastar ainda mais combustível desnecessariamente.


Não esquecer que a informação disponibilizada é obtida graças à ajuda de voluntários, e que todos podem / devem contribuir para a manter o mais actualizada possível - indicando que tipos de combustível já estarão esgotados nos postos que visitarem.


Huawei apresenta EMUI 10



A par do HarmonyOS a Huawei também oficializou o EMUI 10 baseado no Android Q, e que chegará a uma quantidade significativa de smartphones da marca.

Esta versão fará uma forte aposta no desempenho, com melhorias no GPU Turbo (+60 %), Turbo Link (+70 %), e EROFS ROM (+20 %), que tornaram os smartphones mais fluidos do que nunca, superando até os iPhones da Apple. Temos ainda coisas como partilhas de conteúdos mais simples e rápidas; dark mode global; modo para automóveis (que até poderá detectar a fadiga do condutor), etc.


Facebook está a oferecer milhões a sites de notícias para licenciar conteúdos



O Facebook gosta de se descrever como uma "plataforma" isenta e neutra, que se limita a deixar que pessoas e entidades lá publiquem e partilhem tudo o que quiserem; mas ultimamente parece estar a entrar por caminhos diferentes, descobrindo-se que anda a oferecer milhões de dólares a grupos editoriais para licenciar os seus conteúdos e distribuí-los.

A medida quase parecer ser uma forma de se antecipar à "taxa dos links" que foi aprovada na UE, que fará que redes sociais tenham que pagar pela simples apresentação dos pequenos excertos de notícias que estamos habituados a ver ao partilhar um link.


Apple aumenta recompensas de segurança para $1 milhão



A Apple resolveu subir a parada para a descoberta de falhas nos seus produtos, aumentando a recompensa máxima por vulnerabilidades nos iPhones e Macs para 1 milhão de dólares. Anteriormente o valor máxima era de "apenas" 200 mil dólares; e agora o programa de recompensas passa também a abranger o watchOS e tvOS da Apple TV.

Sabendo-se que era este o valor de mercado oferecido por empresas de segurança privadas por falhas no iOS, a Apple limita-se a igualar a oferta de modo a que os investigadores e hackers não se sintam tentados a vender as falhas que descobrirem a empresas que lhes poderão dar "mau uso". A Apple disponibilizará também iPhones com jailbreak aos investigadores, para que possam fazer os seus testes de forma simplificada.


Curtas do dia


Resumo da madrugada

1 comentário:

  1. O Crédito Agrícola também lançou esta semana o moey! uma espécie de clone do Revolut. Ainda assim parece ser mais para competir com serviços como o ActivoBank até porque cobram por operações fora da zona euro.

    ResponderEliminar

[pub]