2020/04/29

Notícias do dia

A Google vai disponibilizar o Google Meet gratuito para todos para fazer frente ao Zoom; Covid-19 força Hollywood a aceitar Oscars para filmes estreados em streaming; jogos gratuitos na Epic Store só com 2FA; nas promoções temos uma base para monitor com hub USB a €27; ainda o infeliz fiasco da Magic Leap; e as preocupações sobre onde coisas como as câmaras de vigilância que controlam distância entre pessoas nos poderão levar.

Antes de passarmos às notícias de hoje, relembro que temos novo passatempo gadget da semana, que desta vez te dá oportunidade de ganhares um mini-tripé selfie stick BlitzWolf.

Facebook prepara livestreams pagos



Os planos de fazer a sua própria criptomoeda Libra podem ter estagnado mas o Facebook continua empenhado em se tornar no centro da vida dos utilizadores, e potencialmente conseguirá fazê-lo para muitos com a chegada dos livestreams pagos. Destinado a artistas, professores, e todos que tiverem algo para mostrar ou ensinar, será uma funcionalidade bastante apreciada numa altura em que muitos deles estarão confinados em casa e sem possibilidade de fazer essas tarefas presencialmente.

A acompanhar isso, também os livestreams gratuitos poderão contar com o apoio dos espectadores, que poderão dar "estrelas" sempre que acharem que é merecido, contribuindo com 1 cêntimo por cada estrela.


Google remodela janela de partilha no Google Drive



Partilhar documentos no Google Drive / Docs / Sheets / etc. vai ser mais fácil. A Google remodelou a janela de partilha do Google Drive para que seja mais fácil perceber o que se está a fazer.

A nova janela mantém uma secção que permite copiar o link a partilhar, mas dá também uma perspectiva global sobre quem tem acesso aos documentos e que tipo de acesso tem. Algo que anteriormente obrigava a trabalho adicional para ser visto, e que assim passa estar literalmente à frente dos olhos no momento em que se vai partilhar algo.


Voz "deepfake" sintetizada por AI removida do YouTube


Pode uma voz criada por computador ser alvo de direitos de autor? O YouTube parece achar que sim, removendo vídeos com vozes criadas através de síntese por A.I. para replicar vozes de artistas e personalidades famosas.

Deverão os direitos de autor aplicar-se a estes casos, e se sim, isso quer dizer que pessoas que tenham vozes idênticas às de pessoas famosas, ou que façam imitações, também tenham que se manter em silêncio? E os que tiverem caras parecidas (sósias) andarem com sacos na cabeça? :P






Hungria multa Booking.com por "pressão psicológica" sobre consumidores




Até onde podem / devem ir os serviços online para fazerem com que os potenciais clientes cliquem no botão que lhes dá lucro? No caso da Booking.com parece que foram longe demais, tendo sido multada em 7 milhões de euros pelo regulador na Hungria por publicidade enganadora e pressão psicológica excessiva sobre os consumidores.

Coisas como oferecer "cancelamentos gratuitos" apenas para alguns alojamentos e não para outros, e outras técnicas usadas para incentivar os utilizadores a sentirem a necessidade de reservarem o serviço o mais rapidamente possível, foram consideradas abusivas. Infelizmente, suspeito que o Booking.com não seja o único, já que isto é prática comum em todo o sector (e outros) - havendo casos em que até chegam ao ponto de oferecer preços diferenciadas consoante o utilizador aceda ao site a partir de um smartphone Android ou de um iPhone...


Curtas do dia


Resumo da madrugada

Sem comentários:

Publicar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]