2018/04/24

Notícias do dia

Os novos Xiaomi Mi 6X / A2 vêm com Snapdragon 660 e começam nos €230; o ZenFone Max Pro faz frente à Xiaomi na Índia com preço reduzido; fomos a Madrid ver a nova TV laser 4K de 100" da Hisense; a Xiaomi confirma mais smartphones com Android One para o futuro; e ainda vimos um Tesla Model 3 a acelerar até aos 228Km/h numa auto-estrada na Alemanha.

Antes de passarmos às notícias do dia e vos deixar a contar os segundos para o feriado que se segue, relembro que o nosso habitual meeting mensal é já este sábado, e que esta semana temos para oferecer uma micro action cam.

Atlanta já gastou 2.7 milhões de dólares a recuperar de ataque de ransomware




Se um ataque de ransomware pode ser devastador para uma pessoa ou empresa, facilmente se imagina que resulta em complicações a multiplicar quando afecta toda uma cidade. Infelizmente, é exactamente por isso que a cidade de Atlanta, nos EUA, tem estado a passar desde que foi vítima de um ataque de ransomware em Março.

Embora a cidade se tenha recusado a pagar o resgate (atitude que deverá ser seguida por toda e qualquer pessoa ou empresa que se veja na mesma situação) a factura a pagar tem sido pesada: tendo já gasto cerca de 2.7 milhões de dólares em serviços excepcionais a título excepcional para manter os serviços mínimos indispensáveis operacionais.

... São milhões que muito melhor teriam sido gastos de forma preventiva em sistemas de segurança e backups que permitissem contrariar ataques deste tipo - algo que esperamos que possa servir de exemplo para outras cidades, empresas... e até mesmo utilizadores individuais.


CE aplica multa de €125 milhões à Altice



A compra da PT pela Altice arrisca-se a ficar mais cara, com a Comissão Europeia a ter multado a Altice em 125 milhões de euros por ter concretizado a aquisição sem a devida autorização de Bruxelas, violando as regras comunitárias.

A Altice já anunciou que irá recorrer desta decisão, mas será de esperar que aproveite esta "oportunidade" para espremer ainda mais os serviços no nosso país, sendo uma constante o encerramento de diversos serviços.


Facebook revela regras para a moderação de conteúdos



Em qualquer local público há que aceitar a necessidade de moderação para se evitarem abusos, mas as coisas complicam-se quando não há definições bem claras sobre o que é permitido ou não - com o Facebook a ser um (mau) exemplo disso. Precisamente por isso, o Facebook decidiu, pela primeira vez, divulgar as suas regras para a moderação de conteúdos.

As próprias regras revelam a dificuldade da tarefa... pois muitas vezes (sempre?) as coisas dependem do contexto. Uma imagem que possa ser considerada obscena nuns casos poderá ser considerada educativa noutros; um insulto que possa parecer desapropriado nuns sítios, poderá ser estar a ser usado para sensibilização do oposto, noutros


YouTube removeu 8.3 milhões de vídeos no último trimestre de 2017


O YouTube tem sido acusado de não remover atempadamente vídeos indesejados e, em resposta, divulgou um relatório onde refere que só no último trimestre de 2017 removeu mais de 8 milhões de vídeos, sendo que 75% dos quais foram detectados automaticamente pelos seus sistemas de inteligência artificial e nunca chegaram a ser vistos pelo público.

Embora ninguém ponha em causa a necessidade de remover vídeos extremistas, o problema é quando estes processos automatizados ou semi-automatizados removem vídeos que não deveriam ser removidos, como aconteceu com um vídeo que chamava a atenção para um vídeo falso e que foi removido... enquanto o vídeo com conteúdo falso continuava disponível...






Curtas do dia


Resumo da madrugada


Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]