2021/04/22

Notícias do dia

Windows 10 vai poder correr apps Linux com interface gráfico; Google Meet ganha fundos animados e novas funcionalidades; Xbox com jogos gratuitos online sem Xbox Live Gold; Perseverance conseguiu produzir oxigénio em Marte; Windows 10 com modo "ecológico" para limitar apps que abusem dos recursos; e nova falha do Facebook deixa associar emails a utilizadores.

Antes de passarmos às notícias do dia, já temos livro FCA seleccionado para este mês: Práticas de Python - Algoritmia e Programação. Participa e partilha.

AirTags da Apple riscam-se com facilidade

Os pequenos localizadores AirTags da Apple podem não deixar que se gravem os emojis que se quiserem, mas deixa garantidamente que umas horas de uso normal as deixem definitivamente riscados, tanto do lado da parte plástica como do lado da parte metálica (que também funciona como "coluna" para dar o som de alerta, ao vibrar).

Embora seja inevitável que os produtos ganhem marcas de uso, isto parece indicar que um AirTag com alguns meses de utilização irá ficar com bastante "mau aspecto" - o que poderá ajudar a explicar porque motivo a Apple também fez tanta questão de apresentar os seus porta-chaves e bolsas de transporte para eles; que acabam por ser indispensáveis não só pela parte de que não se terá outra forma de prender um AirTag a certo tipo de produtos ou equipamentos, como também para lhes darem alguma protecção para evitarem estes riscos.


Apple adiciona mais publicidade à App Store

A Apple prepara-se para adicionar mais um bloco de publicidade de apps na App Store, uma decisão que será seguramente criticada por utilizadores e parceiros, especialmente por chegar numa altura em que está prestes a lançar o iOS 14.5 que limitará ainda mais a capacidade de outras empresas fazerem tracking aos utilizadores no iOS, dificultando a tarefa de apresentarem publicidade direccionada.

Ou seja, apesar de dizer que se rege pelas mesmas regras que impõe aos parceiros, a Apple tirará partido da informação que tem sobre os utilizadores para apresentar "sugestões" de apps (leia-se: publicidade direccionada), enquanto impede que outros façam o mesmo.


Facebook prepara publicidade direccionada nos vídeos

Também o Facebook reforça a sua publicidade em vídeos, que será também expandida aos formato de vídeos curtos "Reels", permitindo aos anunciantes especificarem categorias de vídeos em que querem apresentar os seus blocos de publicidade, tirando partido de AI e machine learning para classificar os vídeos em categorias como: animais, crianças, educação, actividade física, e muitas outras.

A publicidade nos vídeos normais no Facebook apenas aparece em vídeos com mais de 3 minutos, e só depois do utilizador já ter visto um mínimo de 45 segundos do mesmo. Apesar disso, o Facebook já foi apanhado anteriormente a inflacionar as estatísticas de visualização dos vídeos, pelo que com o sistema de AI ali pelo meio, é de imaginar que muitos anunciantes continuem reticentes em confiar se os números e resultados que o Facebook apresenta serão coincidentes com a realidade.


iPadOS 15 com widgets no iPad

O próximo iOS 14.5 chega na próxima semana, mas há quem já esteja de olho nas novidades que chegaram no próximo iOS 15, que contará com mais opções de controlo das notificações (que poderão ser ajustadas dinamicamente em função de diferentes perfis) e também permitirá uma melhor utilização dos widgets no iPad, permitindo que sejam adicionados ao home screen, como nos iPhones.

Embora os iPhones já contem com a possibilidade de ter widgets nos ecrãs principais, no iPad os utilizadores continuam limitados a colocarem-nos numa coluna lateral, que podem ou não exibir a par do ecrã principal. Com o iPadOS 15 a Apple parece ter remodelado esta opção, permitindo que os utilizadores tenham mais liberdade na configuração do que têm no ecrã dos seus iPads.


Curtas do dia


Resumo da madrugada



Curiosidade do dia: Embora o conceito de "tablets" remonte às décadas de 50 e 60, foi preciso esperar até ao final da década 80 para que o primeiro tablet comercial chegasse ao mercado (apesar de terem havido alguns anteriores com produção bastante limitada). O GRiDPad 1900 foi lançado em 1989, com uma stylus que ficava presa ao tablet por um cabo. Curiosamente, o seu sistema de reconhecimento de texto foi criado por Jeff Hawkins, que mais tarde viria a criar os populares PalmPilot.

Sem comentários:

Publicar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]