2017/01/02

Noticias do dia

Começamos o ano com votos de um Feliz 2017 e também o ano de 2016 em revista; e ainda revisitamos os 30 filmes mais aguardados para 2017; assim como os 10 (mais 10) jogos mais aguardados para 2017; fora isso também descobrimos como adicionar eventos ao calendário Google a partir da barra de endereços no Chrome; a mega-escala das fábricas chinesas que produzem os iPhones (mesmo que tenham tido um corte de 10% nas encomendas da Appple); e como Vodafone toma liberdade de aumentar mensalidade de alguns contratos, obrigando quem não quiser a ter que gastar dinheiro para recusar a "oferta".

Antes de passarmos às notícias do dia, relembro que estamos na recta final do mega-passatempo de final de 2016, e que ainda vais a tempo de responder a uma (ou mais) perguntas que te podem valer um fantástico Huawei P9.

Samsung vai (finalmente) explicar o que estava errado com o Note 7



O cancelamento do Galayx Note 7 foi um dos casos que marcou o ano de 2016, mas continua a faltar uma explicação oficial sobre o que terá causado o problema que resultou na propensão para as baterias explodirem. As teorias têm sido muitas, mas parece que finalmente a Samsung se prepara para revelar o resultado da sua investigação ainda durante este mês de Janeiro.


... Não é que venha resolver nada, pois a maioria dos Note 7 já foram recolhidos e os demais estão prestes a ficar inutilizados por via de actualizações que impede o seu carregamento (haverá sempre quem vá impedir a actualização e os continue a utilizar... mas quanto a isso já pouco se poderá fazer.)


Autores de língua Portuguesa que entram em Domínio Público em 2017




A entrada num novo ano marca também a data em que todo um conjunto de obras passam a pertencer ao Domínio Público, e a Associação Ensino Livre fez uma pesquisa para revelar os autores de língua portuguesa cujas obras entram em domínio público em 2017.
É preciso notar que as obras que caiem em domínio público têm de ser obras que foram publicadas até 70 anos após a morte do autor. Obras não publicadas poderão ainda ter direitos de autor.

No caso dos autores estrangeiros damos alguns títulos em Português, mas é preciso notar que só as obras na língua original é que se encontram em domínio público, as traduções podem ter ainda direitos de autor.

O tablet Woolim norte-coreano



Da próxima vez que acharem que é um abuso não conseguirem fazer o que querem num tablet, nada como espreitar o fantástico Woolim norte-coreano: um tablet cujas raízes Android foram bastante modificadas, ao ponto se só poder correr apps aprovadas, ver conteúdos gerados no próprio tablet (ou aprovados pelo governo), e que até captura imagens do ecrã de cada vez que se abre uma app (que não se podem eliminar). Ah, e também partilha a sua localização com o Governo... só porque sim.

Esperemos que sejam funcionalidades que nunca sejam importadas para o Ocidente... embora a tendência para se perder controlo sobre o que se pode fazer com os nossos computadores já se comece a infiltrar (com coisas tão simples quanto as actualizações obrigatórias do Windows 10).


Bitcoin volta a superar os $1000



Três anos depois da euforia do Bitcoin - e do seguinte tombo derivado do hacking a uma das maiores exchanges - a moeda digital supera novamente a marca dos $1000 e volta a aproximar-se do valor recorde de $1163 que atingiu no fim de 2013.

Agora com muito maior volume de "moedas" em circulação, com um valor mais estável, e com a ajuda do mercado chinês, onde o Bitcoin tem tido forte adesão, é bem provável que o anterior valor recorde seja superado e esta moeda atinja valores bem superiores... até que novo caso de hacking a atire cá para baixo.

Para quem tivesse apostado na compra de Bitcoin na altura em que deu o tombo, já teria mais que duplicado o investimento em apenas três anos. (É sempre bom fazer investimentos retroactivamente! :)


Curtas do dia


Resumo da madrugada




Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]