2022/08/31

Notícias do dia

Japão vai remover exigência de disquetes e CD-ROMs; escolas nos EUA mantêm aulas virtuais à distância; próximo iPhone SE com Face ID em 2024; Huawei Mate 50 terá câmara com abertura variável; e base de dados expôs milhões de rostos e matrículas na China.

Antes de passarmos às notícias, já temos novo passatempo semanal, que desta vez te pode valer um módulo de tomada TP-Link Tapo P100.

Esquema de falsos músicos garantia conta verificada no Instagram

Obter o visto de conta verificada no Instagram é cobiçado por muitos, e há quem tenha criado verdadeiros negócios em torno disso, transformando qualquer pessoa num falso artista musical para o conseguir.

É incrível ver o trabalho, e dinheiro, a que algumas pessoas estão dispostas para conseguirem uma conta verificada no Instagram. E uma investigação revela um negócio que tinha encontrado uma receita de sucesso, transformando os clientes em supostos artistas musicais. Médicos, apresentadores de TV, e outros, contrataram este serviço que criava perfis seus nas plataformas de streaming, e músicas em seu nome (que muitas vezes eram simples loops), e também pagando por artigos sobre a sua criatividade em sites de música, complementados com lotes de comentários e likes pagos. Algo que assegurava que, ao fim de algum tempo, fossem considerados "artistas" pelo motor de pesquisa da Google, e posteriormente servisse de "prova" para a obtenção da conta verificada no Instagram. Um processo que demoraria cerca de 2 meses e pelo qual seria cobrado 15 mil dólares.


Cloudflare mantém serviço a fórum polémico

A Clouflare continua a tentar manter o equilíbrio entre a neutralidade dos conteúdos e o limite de abusos que está disposta a tolerar.

Depois de já ter banido sites como o Daily Stormer e 8chan, a Cloudflare mantém o serviço a um fórum polémico que é conhecido por organizar a perseguição e assédio a transexuais. Mais uma vez, a Cloudflare assume a postura de ser um serviço que não se coloca na posição de deliberar sobre os conteúdos, dando o exemplo das empresas telefónicas também não cortarem o serviço aos clientes que usarem o serviço para insultar outros ou dizerem coisas racistas.


Empresa de logística compra $10M de robots Boston Dynamic para armazéns

A Boston Dynamics continua a fazer robots incríveis, mas não é todos os dias que os vemos serem postos em acção em aplicações práticas. Mas isso começa a acontecer e a sinalizar um futuro lucrativo para a empresa.

A empresa de logística NFI encomendou $10M de robots da Boston Dynamics para automatizar os seus armazéns. Isto numa altura em que muitas destas empresas têm dificuldade em encontrar funcionários, e sendo uma área onde existem muitas críticas quanto às condições disponibilizadas (basta relembrar os muitos casos de queixas dos funcionários nos armazéns da Amazon). A troca para os robots, será uma forma fácil das empresas contornarem essas questões, podendo funcionar 24 horas por dia sem preocupação com os horários de trabalho.


Royal Caribbean vai ter internet a bordo via Starlink

Se a ideia de um cruzeiro nas Caraíbas não vos atraía devido a ficarem desligados do mundo, isso em breve deixará de ser problema. A Royal Caribbean vai passar a ter internet via Starlink a bordo dos seus navios de cruzeiro já a partir do próximo ano.

De notar que, a partir do próximo ano, a nova geração de satélites Starlink terá também capacidade para ligação directa aos smartphones, pelo que começará a ser comum ter acesso a mensagens e chamadas em qualquer ponto do mundo - incluindo no meio do oceano. Apesar de nesta fase a Starlink dizer que existirá uma largura de banda bastante limitada, será fácil imaginar que isso irá evoluindo ao longo dos próximo anos, ao ponto de poder tornar-se numa forma de acesso à internet em locais onde não existam serviços terrestres disponíveis.


Curtas do dia


Resumo da madrugada



Curiosidade do dia: O Instagram foi criado em 2010 por Kevin Systrom e Mike Krieger, focando-se na partilha de fotos depois de inicialmente acharem que era demasiado parecido com o Foursquare. Em 2012 era comprado pelo Facebook / Meta por mil milhões de dólares, valor que seria eclipsado dois anos mais tarde com a compra do WhatsApp por 19 mil milhões de dólares.


Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]