2020/01/30

Notícias do dia

Huawei ultrapassa Apple e aproxima-se da Samsung; Apple deverá lançar AirTags e novos iPad Pro em breve; DuckDuckGo descontente com ecrã de selecção de motores de pesquisa no Android; nas promoções temos um tablet Teclast P10HD a €90; app da Ring para Android partilha dados excessivos; e copyright abusivo remove livestream do YouTube antes de sequer existir.

Antes de passarmos às notícias de hoje, já temos novo passatempo do gadget da semana que te pode vale um hub USB 3.0 da Xiaomi - e também temos livros SCRUM da FCA para oferecer.

UE deixa cair proibição do reconhecimento facial




Contrariamente ao que anteriormente tinha sido indicado, a Comissão Europeia não vai avançar com a proposta que iria proibir a utilização de tecnologia de reconhecimento facial durante vários anos para melhor avaliar todas as implicações que isso terá a nível de potenciais abusos. Em vez disso que irá aplicar algumas "restrições" às tecnologias de reconhecimento de partes do corpo das pessoas - seja lá o que isso for.

... Não que isso vá servir de protecção para coisas como o que a Clearview AI já está a fazer há muito, e que seguramente continuará a fazer - e tal como ela, muitas outras empresas e entidades que seguramente estarão a fazer o mesmo sem fazer publicidade disso.


Tesla antecipa entregas do Model Y para Março



No seguimento do seu melhor trimestre de sempre, a Tesla surpreende os fãs e clientes revelando que o novo Model Y - originalmente com data de lançamento para o Outono - começará afinal a ser entregue já em Março. Esta data será para o modelo dual-motor Long Range, que como bónus adicional, viu a sua autonomia ser prolongada dos 450 km para os 506 km. Os modelos mais económicos, que terão preço a começar nos 40 mil dólares, só deverão chegar em 2021.

Infelizmente este plano de entregas refere-se ao mercado dos EUA, não se sabendo ainda quando é que os clientes portugueses interessados no Model Y poderão começar a receber os seus.

Como curiosidade: foi descoberto um modo "secreto" para testes, que desactiva o controlo de tracção nos Tesla e que se deverá revelar bastante divertido... para derreter pneus!


YouTube está a ajudar a radicalizar utilizadores



Um estudo de investigadores suíços e brasileiros que analisou mais de 72 milhões de comentários no YouTube encontrou indícios de que o serviço está a contribuir para a radicalização dos utilizadores, direccionando-os para conteúdos extremistas.

O cenário é preocupante por confirma os receios que têm sido levantados há muito. Utilizadores que comecem por ver canais e vídeos "moderados" correm o risco de serem arrastados para vídeos e canais cada vez mais extremistas, em jeito de numa nova forma de propaganda e desinformação que se tem revelado - infelizmente - bastante eficaz.


Emojis crescem novamente em 2020



Os fãs dos emojis vão tendo cada vez mais bonecos, e para este ano de 2020 iremos contar com 117 novos emojis como parte da nova colecção Emoji 13.0. São 62 novos emoji e 55 novas variantes de cor de pele e sexo, que incluem coisas como um smiley sorridente com uma lágriam, um smiley com máscara do Groucho Marx, ninja com cor de pele configurável, pessoa a dar biberão a um bebé (já sem ser limitado apenas a mulheres), entre outros.

Temos também coisas como uma mosca, minhoca, coração e pulmões "anatómicos", serrote, ratoeira...



Embora fique à responsabilidade de cada empresa adoptá-los e integrá-los nos seus equipamentos, espera-se que só fiquem disponíveis no Android e iOS só mais para o final do ano.


Publicidade da Google para o Super Bowl aposta nas memórias


O Super Bowl norte-americano é ponto alto dos spots publicitários, que tentam tirar o máximo partido das centenas de milhões de espectadores (este ano até vai ser emitido pela TVI cá em Portugal, em sinal aberto). E a Google já revelou o seu spot publicitário, que é simultaneamente inspirador mas também preocupante, mostrando-nos um viúvo que recorre aos serviços da Google para se lembrar da sua falecida esposa...




Curtas do dia


Resumo da madrugada

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]