2018/10/10

Notícias do dia

Andy Rubin quer criar "smartphone" com AI que substitua o utilizador; Bloomberg insiste na espionagem chinesa - agora com ficha Ethernet "adulterada" em operador de telecomunicações; a Google apresentou os Pixel 3 e Pixel 3 XL, e também os novos Pixel Slate e Home Hub; MS lança limitador de bateria para os Surface; Intel paga benchmarks enganadores que prejudicam AMD; e ainda um grupo no Canadá que quer Taxa da internet para compensar direitos de autor.

Antes de passarmos às notícias de hoje, já temos passatempo para o novo gadget da semana, que desta vez é uma "lâmpada mágica" LED RGB capaz de levar luz e cor a qualquer sítio.

MS volta a disponibilizar actualização (corrigida) do Windows que eliminava ficheiros




A MS parece já ter corrigido a actualização de Outubro do Windows 10 que estava a eliminar documentos dos utilizadores, e volta a disponibilizá-la publicamente.

Embora a situação tenha afectado um número reduzido de utilizadores e detectada rapidamente, o mais grave será o facto da MS aparentemente ter conhecimento deste bug e mesmo assim ter decidido avançar com a sua distribuição, ultrapassando alguns dos seus próprios protocolos para detectar a existência de problemas.

O pior de tudo isto - para além das pessoas que perderam documentos que poderão não conseguir recuperar - é que assim se vai perdendo a confiança de que uma actualização seja uma coisa "segura", criando um clima de desconfiança que poderá atrasar a aplicação de actualizações de importância crítica, por receio dos "efeitos secundários" que possam trazer.


Google Home ganha notícias e podcasts com velocidade variável



Não há nada mais irritante do que ouvir um podcast onde uma pessoa fala a uma velocidade lenta (ou demasiado depressa) e não se ter possibilidade de ajustar essa velocidade. Isso era algo que afectava todos os que ouvissem podcasts ou notícias através do Google Home, mas que está prestes a ser resolvido.

A partir de agora será possível pedir ao Google Home para reproduzir podcasts ou ler notícias de forma mais rápida ou mais lenta, para que isso seja feito ao ritmo que acharmos mais confortável.


Bug no WhatsApp deixava utilizadores em risco ao atenderem chamada de vídeo



Um bug no WhatsApp permitia que houvesse corrupção de memória ao atender uma videochamada onde o atacante enviasse pacotes de dados adulterados. Essa é a base das falhas que potencialmente permitem comprometer um programa e obter controlo sobre o mesmo - eventualmente podendo levar a que o atacante pudesse obter informação sobre os contactos do utilizador ou até mesmo as suas credenciais (embora a situação mais comum seja resultar no "crash" da app).

De qualquer forma, este é um bug que já foi corrigido há várias semanas, pelo que não será necessário ter receio de atender videochamadas no WhatsApp... a não ser que por lá permaneçam outros bugs por descobrir. :)


Google News com novo design



Em preparação para a chegada do Google Home Hub com ecrã, já temos um Google News com design renovado. Esta alteração já tem estado a ser implementada há bastante tempo, devido ao processo de transição da anterior app Google News & Weather para a nova app Google News (para Android e iOS) e que também conta com este design renovado.

Para além do design, as principais diferenças são de que as notícias serão apresentadas em função dos nossos interesses e fontes que preferirmos, embora continue a ser possível aceder à lista "geral" de notícias, assim como notícias por tópicos e sub-tópicos mais populares dentro de cada uma delas. Por exemplo, a secção tecnologia pode subdividir-se em áreas como Inteligência Artificial, Realidade Virtual, Gadgets, etc.


Curtas do dia


Resumo da madrugada

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]